blank
Navio-Patrulha “Guajará” se aproxima do veleiro avariado

Google News

A Marinha do Brasil, por intermédio do Serviço de Socorro e Salvamento Marítimo do Sul-Sueste (SALVAMAR Sul-Sueste), operado pelo Comando do 8º Distrito Naval, coordenou o resgate de quatro pessoas que ficaram à deriva a bordo do veleiro “Velejar é Vida”, a 54 quilômetros a sudeste de Guarujá (SP), entre os dias 18 e 19 de março.

Entre no canal do Defesa em Foco no Whatsapp e fique por dentro de todas as notícias do dia

A embarcação havia partido de São Sebastião (SP) com destino Itajaí (SC) e, após sofrer avarias no motor e no leme, enviou um pedido de socorro, prontamente atendido pelo Navio-Patrulha “Guajará”, sediado em Santos (SP), que suspendeu demandando a última posição conhecida da embarcação a fim de socorrer os tripulantes.

O veleiro foi localizado na noite do mesmo dia e após ser verificado que todos os tripulantes estavam em bom estado de saúde, foi dado início ao reboque da embarcação em direção ao Porto de Santos (SP), fundeando em segurança nas Proximidades da Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande no Guarujá.

blank
Navio-Patrulha “Guajará” despede-se de veleiro deixado em
segurança nas proximidades de Guarujá

A ação destaca a importância do SALVAMAR Sul-Sueste, da prontidão dos meios da Marinha e do profissionalismo dos homens e mulheres do mar na tarefa internacional assumida pelo Estado Brasileiro de salvaguardar a vida humana no mar, nos portos e nas vias navegáveis.