Autoridades se reúnem em Paraty para coordenarem as ações na região

A Marinha do Brasil (MB) transportou hoje (03), por meio de uma aeronave SH-16, o Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, Coronel Alexandre Lucas Alves, para que fosse verificado a situação dos municípios de Angra dos Reis (RJ) e Paraty (RJ), após as fortes chuvas ocorridas na região, no dia 1o de abril. O Governador do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, também esteve na cidade. A ação faz parte da mobilização do Ministério da Defesa para prestar apoio logístico na região do litoral sul do Estado do Rio de Janeiro.

“Quero agradecer muito ao trabalho da Marinha do Brasil. Temos muito orgulho de sermos parceiros e de sabermos que todos nós somos Defesa Civil. A colaboração de vocês é muito importante”, afirmou o Secretário logo após pousar no Colégio Naval, em Angra dos Reis.

Além do apoio aéreo, a MB está atuando com embarcações e militares da Delegacia da Capitania dos Portos em Angra dos Reis e da Agência da Capitania dos Portos em Paraty (RJ). Militares das duas Organizações Militares atuam em apoio às equipes da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros e da Polícia Rodoviária Federal.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

“Estamos desde o dia primeiro de abril atuando em apoio à população de Angra dos Reis e região para tentar amenizar o sofrimento e auxiliar as equipes de buscas e apoio”, afirmou o Delegado da Capitania dos Portos em Angra dos Reis, Capitão de Corveta Diego Faria.

Em Paraty, o Agente da Capitania dos Portos, Capitão-Tenente Arnaldo Amirato Dias, afirmou que está atuando diretamente junto com a Prefeitura da cidade, compondo o Gabinete de Crise criado, e que está participando diretamente do planejamento das ações de apoio. “Nossas embarcações e militares estão à disposição da Prefeitura e da Defesa Civil local e nacional. Em situações como essa que estamos vivendo aqui temos que dar todo o apoio necessário para amenizar o sofrimento da população local”.

Em entrevista concedida à Imprensa, o Prefeito de Paraty, Luciano de Oliveira Vidal, afirmou que a situação na cidade está muito complicada e que todo apoio é importante. Ele também afirmou que a nota da Marinha alertando sobre a frente fria foi muito importante para amenizar os estragos. “Havíamos sido alertados pelo sistema da Marinha sobre as fortes chuvas que poderiam ocorrer. Foi uma tromba d´água que caiu e afetou diversas regiões da cidade. Imediatamente, alertamos a população sobre o risco iminente. Montamos uma operação para desobstruir as vias e resgatar famílias que estavam desalojadas ou tiveram vítimas fatais por causa de deslizamentos de terra”.

No dia 1º, a Marinha emitiu nota alertando sobre a passagem de uma frente fria que poderia provocar ressaca, com ondas de direção Sudoeste a Sudeste, com altura de até 2,5 metros, na faixa litorânea entre os estados de São Paulo, ao norte de Ilhabela, e do Rio de Janeiro, ao sul de Arraial do Cabo, da manhã do dia 02 à noite do dia 03 de abril.

A Marinha do Brasil mantém todos os avisos de mau tempo em vigor no endereço eletrônico.

Adicionalmente, as informações meteorológicas podem ser visualizadas na página do Serviço Meteorológico Marinho no Facebook, no link, e por meio do aplicativo “Boletim ao Mar”, disponível para download na internet, tanto para o sistema Android quanto para iOS, desenvolvido em parceria entre a Marinha do Brasil e o RUMAR – Instituto Rumo ao Mar.

foto 02 5
Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil agradece à tripulação da aeronave que o transportou
foto 03 1
Aeronave SH-16, da Marinha do Brasil, pousada em Angra dos Reis (RJ)
Marcelo Barros, com informações da Marinha do Brasil
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).