Nos dias 26 e 28, o Comando do 6º Distrito Naval (Com6ºDN) da Marinha do Brasil, em resposta ao chamado do Corpo de Bombeiros, mobilizou seus recursos para o resgate de um senhor de 70 anos e de uma mulher de 24 anos, ambos enfrentando emergências médicas graves na região do Paiaguás. Com a utilização de aeronaves especializadas do 1º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral do Oeste (EsqdHU-61) e o suporte médico do Hospital Naval de Ladário (HNLa), as missões de resgate foram realizadas com precisão e cuidado, garantindo o transporte seguro dos pacientes para a Santa Casa de Corumbá.

Desafios e Logística das Missões de Resgate Aeromédico

Resgate de um senhor de 70 anos
Resgate de um senhor de 70 anos

Os resgates, realizados em áreas remotas e de difícil acesso, a cerca de 90 km e 65 km de Ladário-MS, respectivamente, são testemunhos do compromisso do Com6ºDN em salvar vidas e prestar assistência médica em situações de emergência. As operações, envolvendo a evacuação aeromédica (EVAM) de pacientes em condições críticas, refletem a capacidade logística, a prontidão e a expertise da Marinha do Brasil em mobilizar recursos rapidamente para atender às necessidades emergenciais da população.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Cooperação e Sinergia entre Forças

A realização bem-sucedida dessas missões destaca a importância da cooperação entre a Marinha do Brasil e o Corpo de Bombeiros, unindo forças em prol do bem-estar e da segurança da comunidade. O esforço conjunto e a coordenação eficiente entre as instituições garantem que as operações de resgate sejam realizadas com a máxima eficácia, mesmo diante dos desafios impostos pelas condições geográficas e climáticas da região.

Compromisso com o Dever e a Humanidade

As missões de resgate aeromédico do Com6ºDN reafirmam o compromisso da Marinha do Brasil com o dever de prestar assistência imediata em situações de emergência. A dedicação e o profissionalismo demonstrados nessas operações refletem o compromisso com a vida humana e a disposição em servir e proteger a população, mesmo nas condições mais adversas.