blank

Google News

Em 8 de abril, o 5° Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado (5º GAC AP) – Grupo Salomão da Rocha – comemorou 128 anos de criação.

Entre no canal do Defesa em Foco no Whatsapp e fique por dentro de todas as notícias do dia

A solenidade foi presidida pelo Comandante da 5ª Divisão de Exército (5ª DE), General de Divisão Fábio Benvenutti Castro, e prestigiada pelo Comandante da 5ª Região Militar, General de Brigada Ronaldo Moraes Brancalione, pelo Comandante da 5ª Brigada de Cavalaria Blindada, General de Brigada Sérgio Manoel Martins Pereira Junior, e pelo Comandante da Artilharia Divisionária da 5ª DE, General de Brigada André Luiz Ísola.

A atividade promoveu um verdadeiro encontro de gerações, com presença expressiva de Eternos Comandantes, representantes do Poder Judiciário, comandantes de organizações militares do Exército, da Polícia Militar e de Bombeiros Militares do Estado do Paraná, oficiais e praças veteranos da unidade, familiares e amigos do 5º GAC AP.

O Grupo Salomão da Rocha foi criado em 1894, à época da Revolução Federalista. Ocupou suas atuais instalações, no bairro do Boqueirão, em 1949, quando era designado 3º Regimento de Artilharia Montada 75. Participou das batalhas de Canudos e do Contestado, e nas Revoluções de 1924, 1926, 1930 e 1932. Enviou militares para compor a Força Expedicionária Brasileira e desempenhou a missão de vigilância da costa marítima, nos arredores de Itajaí-SC, durante a 2ª Guerra Mundial.

Em 1972, recebeu os obuseiros autopropulsados M108, sendo designado, como 5º GAC AP. Em 2022, além dos 128 anos de criação, o Grupo Salomão da Rocha comemora os 50 anos de sua atual designação. O 5º GAC AP é dotado dos obuseiros M109 A5 +BR, material mais moderno da artilharia de tubo do Exército Brasileiro.

O Comandante do 5° GAC AP, Tenente-Coronel Marco Lúcio Niendziela, entregou Diplomas de Amigo do Grupo a quatro Comandantes de organizações militares de Curitiba e ao Prefeito da Universidade Tuiuti do Paraná, Edmilson Campos, que gentilmente cede as instalações para a aplicação da prova da Escola de Sargentos das Armas na Guarnição.

O Tenente-Coronel Marco Lúcio fez referência ao Capitão Salomão da Rocha, herói em Canudos, autor da frase “Onde fica a Bateria, fica o seu Capitão”. O bravo soldado levou a cabo o juramento de sacrificar sua própria vida em prol do cumprimento da missão, ao ter seu corpo esquartejado pelos jagunços de Antônio Conselheiro, junto aos canhões que, com seu fogo, permitiram a retirada da tropa após tentativa frustrada de invadir o vilarejo.

O ponto alto da formatura foi o desfile dos veteranos que, após dois anos de restrições impostas pela pandemia da covid-19, retornaram à unidade. O grupamento contou com militares da ativa e ex-integrantes da Família Salomão da Rocha, e foi comandado pelo General de Brigada Veterano Abreu de Moraes, que comandou o 5º GAC AP de janeiro de 1985 a janeiro de 1987.

Encerrando a cerimônia, a tropa desfilou em continência ao Comandante da 5° Divisão de Exército, ao som do dobrado “Matungo Malacara”, em homenagem ao “nobre amigo”, o cavalo, que fez parte da história dessa tradicional organização militar do Exército, de 1894 a 1958.

Fonte: 5º GAC AP