Google News

O governo autorizou o início dos estudos para a concessão de sete Terminais Pesqueiros Públicos (TPP) em Aracaju, Vitória, Cananéia (SP), Manaus, Natal, Santos (SP) e Vitória. O leilão está previsto para novembro de 2021.

Os estudos serão realizados pelo Consórcio LPC Latina, que tem prazo de 60 dias para concluir seus trabalhos. Pela programação, o relatório e um modelo deverão ser entregues ao governo em 22 de março.

“Tiramos o primeiro projeto do papel, que foi o TPP de Cabedelo, recentemente leiloado”, disse a secretária especial do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Martha Seillier, em nota divulgada pelo Ministério da Economia nesta quarta-feira. “É uma agenda que tem um potencial de transformação muito grande para a pesca no país. Precisamos dessa infraestrutura adequada nos terminais pesqueiros.”

Após a conclusão dos estudos, que deverão ser validados pela Secretaria de Aquicultura e Pesca, com apoio do PPI, será aberta consulta pública, prevista para os meses de abril e maio. Nessa etapa, o projeto será divulgado e debatido com a sociedade. Em seguida, o governo adequará a proposta aos resultados das consultas públicas e encaminhará os estudos para o Tribunal de Contas da União (TCU).

Após a aprovação pela corte de contas, o edital poderá ser publicado. A previsão é que isso ocorra em setembro.

Fonte: Valor

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

1 COMENTÁRIO

  1. Boa tarde, e o TPP – Rio de Janeiro, localizado na Rua Pires da Mota, n° 21. No Bairro da Ribeira, na Ilha do Governador. Que está sendo ilegalmente loteado por um Pastor, que se diz dono do Terreno do Ministério da Pesca. Que é da União. Aonde o então Ministro Marcelo Crivella, num mega – evento eleitoreiro. Prometeu construir o Instituto da Pesca, que nunca saiu do papel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui