O que é Escola dos Fuzileiros Navais?

Se o seu sonhos é fazer parte da Marinha do Brasil e se tornar um Fuzileiro Naval, essa publicação é para você!

Instituída em 1782, a Escola Naval é uma instituição de Ensino Superior da Marinha do Brasil, localizada na cidade do Rio de Janeiro. Nela homens e mulheres que concluíram o ensino médio ingressam com, no mínimo, 18 anos e, no máximo, 23 anos.

A Escola Naval tem como propósito formar Oficiais para o Corpo da Armada, Fuzileiros Navais e Intendentes da Marinha.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Por que ser um Fuzileiro Naval?

O Fuzileiro Naval pertence ao corpo da infantaria, da Marinha do Brasil. É Encarregado pela ordem e proteção dos navios de guerra. Além disso, são combatentes com especialização em operações em alto mar e em terra. O fuzileiro também pode realizar salto de paraquedas, comando anfíbio e mergulho.

Fuzileiro Naval: Como funciona o curso de Formação?

Os alunos são chamados para o Período de Adaptação no qual se juntam na Escola Naval para que possam certificar, na prática, sua adaptação e seu interesse pela carreira.

É eliminado do curso de formação, o aluno que desistir, que praticar falta disciplinar grave ou sair da instituição sem comunicação, por qualquer motivo, não se apresentar nos horários e datas marcados.

Em seguida, do termino do Período de Adaptação, o aluno estará matriculado no 1º ano do Curso de Graduação, na condição de Aspirante.

O curso de Graduação é de no formato de Internato e estruturado em um Ciclo Escolar e um Pós Escolar. Tem duração de 5 anos, sendo que o Ciclo Escolar tem o período de 4 anos e 1 ano o Ciclo Pós Escolar, esse último é lecionado basicamente para o Ensino Profissional.

Durante o Curso, o aluno recebe uma remuneração de R$1.574,12 mensais, além de ter alojamento, alimentação, ajuda para compra de uniformes, assistência médico hospitalar.

Escola Naval: Principais Requisitos

Os principais requisitos para ingressar na Escola Naval:

  • Ser brasileiro(a) nato(a);
  • Não ser casado ou não ter constituído união estável e não ter filhos, assim permanecendo durante todo o período em que estiver sujeito aos regulamentos da Escola Naval;
  • Ter 18 anos completos e menos de 23 anos; e
  • Ter concluído o Ensino Médio.

Por que fazer o Concurso para Escola Naval?

Estudar na Escola Naval é uma oportunidade de ganhar experiência de vida, pois além do ensino, os alunos têm o ensino militar naval e praticam diversos esportes, Além de contar com um espaço diferenciado, professores capacitados e ensino de tradição. Os alunos aprendem a ter organização, trabalho em equipe, inteligência emocional entre outras. E sem falar que os alunos podem contar com o plano de carreira e maior estabilidade.

Quais os benefícios da Carreira Naval?

São vários benefícios para carreira naval, entre elas:

  • Perspectiva de crescimento profissional ao longo da carreira;
    Estabilidade;
  • Plano de carreira bem definido, com possibilidade de ascensão contínua com aumento de salários proporcionais;
  • Proventos semelhantes aos da ativa quando estiver na reserva;
  • Transferências remuneradas;
  • Salário inicial compatível com o mercado;
  • Assistência médico-hospitalar   para   si   e   para   seus   dependentes   em   instalações exclusivas da Marinha; e
  • Possibilidade de moradia quando fora da cidade do Rio de Janeiro.

Plano de Carreira

Postos que um oficial da Marinha do Brasil pode ocupar:

  • Segundo-Tenente;
  • Primeiro-Tenente;
  • Capitão-Tenente;
  • Capitão de Corveta;
  • Capitão de Fragata;
  • Capitão de Mar e Guerra;
  • Contra-Almirante;
  • Vice-Almirante; e
  • Almirante de Esquadra.

Escola Naval: Como foi a última prova?

A prova foi realizada em dois dias. No primeiro dia, a prova teve 40 questões, divididas em Matemática, com 22 questões e Inglês com 18 questões. Com duração de 5 horas. No segundo dia, o aluno resolveu 40 questões, sendo 22 de Física e 18 de Português e Redação, com a mesma duração de prova do dia anterior.

Fuzileiro Naval: etapas do Concurso

  • Provas objetivas;
  • Verificação de Dados Biográficos
  • Inspeção de Saúde
  • Teste de Aptidão Física
  • Avaliação Psicológica
  • Verificação de Documentos
  • Procedimento de Heteroidentificação Complementar à Autodeclaração
  • Período de Adaptação e Curso de Graduação

Fonte: Alfacon