Forças Armadas Americanas estudam usar a Starlink como alternativa ao GPS

blank
Imagem: SpaceX

Google News

Os militares dos Estados Unidos encomendaram uma pesquisa para avaliar o uso da Starlink como alternativa de baixo custo e alta precisão, se comparada ao GPS.

Até o momento a SpaceX já lançou 700 satélites Starlink e o planejamento é passar dos milhares nos próximos anos. Essa rede tem como foco fornecer internet de alta velocidade em todos locais do mundo (principalmente em regiões remotas), e essa cobertura incentivou as Forças Armadas Americanas a estudar seu uso.

Pesquisadores da Universidade do Texas, Todd Humphreys e Peter Iannucci, desenvolveram um sistema que usa o modelo de satélite da Starlink e o GPS tradicional, fornecendo uma precisão de localização melhor e com menos interferências. O estudo foi publicado no Arxiv.org e ainda vai ser avaliado por acadêmicos.

O Exército Americano depende do GPS. Atualmente possui 30 satélites orbitando a 20 mil quilômetros da Terra, transmitindo sua posição e a hora exata (cada um possui um relógio atômico).

Via: MIT Review

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui