Google News

Nos dias 26 e 27 de abril, o 2º Batalhão de Engenharia de Combate (2º BE Cmb) do Exército realizou instruções sobre a ferramenta remota robô Teodor, em apoio à Companhia de Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear (Cia DQBRN) do Comando de Operações Especiais (C Op Esp).

As instruções, ministradas pelo Destacamento Especial de Engenharia para Desativação de Artefatos Explosivos (Dst Esp E DAE) do 2º BE Cmb, tiveram como objetivo demonstrar as capacidades do robô em missões de desativação de explosivos, que são internacionalmente conhecidas como EOD (Explosive Ordnance Disposal), e suas possíveis aplicações em atividades de defesa química, biológica, radiológica e nuclear.

O equipamento possui diversos implementos com capacidade de detecção e identificação de agentes químicos e radiológicos, além de quatro câmeras de vídeo acopladas. Pode ser controlado de uma distância de até um quilômetro do local da operação, permitindo ao operador manusear objetos sem o risco de contaminação por qualquer tipo de agente.

blank
Crédito: Cb Pedro e Sd Abreu

Todas as medidas sanitárias de prevenção à covid-19 foram tomadas, como utilização de álcool em gel, uso obrigatório de máscaras e o respeito ao distanciamento.

Fonte: 2º Batalhão de Engenharia de Combate

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui