blank

A Polícia Federal divulgou em nota para a imprensa que os remanescentes de Dom Phillips fazem parte do material que foi recolhido no local apontado pelo Sr. Amarildo da Costa Oliveira, que estão sendo periciados no Instituto Nacional de Criminalística.

A confirmação foi feita com base no exame de Odontologia Legal combinado com a Antropologia Forense. Encontram-se em curso os trabalhos para completa identificação dos remanescentes, para a compreensão das causas das mortes, assim como para indicação da dinâmica do crime e ocultação dos corpos.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

blank

E em outra nota a imprensa, informa que o Comitê de crise, coordenado pela Polícia Federal/AM, informa que hoje, 17 de junho, as buscas pela embarcação utilizada por Bruno Pereira e Dom Phillips continuam, contando, inclusive, com o apoio dos indígenas da região e dos integrantes da UNIVAJA.

Informa, também, que as investigações prosseguem e há indicativos da participação de mais pessoas na prática criminosa.

As investigações também apontam que os executores agiram sozinhos, não havendo mandante nem organização criminosa por trás do delito.

Por fim, esclarece que, com o avanço das diligências, novas prisões poderão ocorrer.

blank

Fonte: Comitê de crise