Google News

A Diretoria de Portos e Costas (DPC) recebeu, em 15 de junho, a Coordenadora Nacional do Trabalho Portuário e Aquaviário (Conatpa) e representante do Ministério Público do Trabalho (MPT), Procuradora Dra. Flávia Bauler, para uma reunião acerca da possibilidade de convênio entre a DPC e o MPT para a implementação da Convenção Internacional do Trabalho Marítimo (MLC/2006), face sua entrada em vigor no Brasil em 7 de maio de 2021.

A Procuradora apontou as dificuldades existentes na atualidade no que se refere ao abandono de tripulações, repatriação, salários de marítimos, dentre outras dificuldades encontradas pelos Auditores do Trabalho nessa tarefa. A ideia do convênio é o investimento por parte da DPC no fomento do ensino profissional marítimo, no compartilhamento de dados de Tecnologia da Informação (TI) e na inspeção de navios em função da MLC/2006.

A representante do MPT manifestou o interesse em aproximar as Instituições e desenvolver mais os assuntos atinentes às lides do mar.

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui