A cerimônia de lançamento contou com a presença do Comandante da Marinha

Como parte das comemorações alusivas ao Dia do Hidrógrafo, a Diretoria de Hidrografia e Navegação (DHN) realizou, no dia 28 de setembro, o lançamento da edição revisada e atualizada do volume II do Manual de Navegação da Marinha (Navegação Astronômica e Derrotas), de autoria do Comandante Altineu Pires Miguens. A ocasião contou com a presença de Neusa da Motta Miguens (viúva) e outros familiares do autor.

O Capitão de Mar e Guerra Miguens, hidrógrafo dedicado, contribuiu grandemente para o ensino da navegação no Brasil. Autor da coletânea “Navegação: Ciência e Arte”, composta de três volumes, as obras englobam os principais estudos da navegação náutica e constituem a referência bibliográfica nas principais escolas marítimas e concursos do País.

A revisão do Manual manteve a estrutura da obra original com a preservação da integridade dos assuntos abordados nos seus 19 capítulos. Nesta edição, foram atualizadas as boas práticas da navegação, inseridas as demonstrações do emprego da calculadora eletrônica “Tamaya Navigator” na solução de problemas de navegação astronômica e ortodrômica, além da substituição da maioria das figuras, em todos os capítulos, com o propósito de incrementar os métodos e equipamentos apresentados, bem como permitir uma melhor resolução gráfica.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

frtjnruyjew5y6jtg
Neusa da Motta Miguens conhece Simulador de Navegação
“Comandante Altineu Pires Miguens”

A família do Comandante Miguens ainda teve a oportunidade ir ao Centro de Instrução e Adestramento Almirante Radler de Aquino conhecer o Simulador de Navegação “Comandante Altineu Pires Miguens” (nome dado em homenagem ao navegador). Instalada neste ano, essa ferramenta permite capacitar equipes de navegação dos navios da Marinha e habilitar aquaviários, marcando mais um avanço no sistema de ensino da DHN.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).