O Comando de Artilharia do Exército promoveu, por meio do Centro de Instrução de Artilharia de Mísseis e Foguetes, o VIII Workshop “Míssil Tático de Cruzeiro MTC-300”. A atividade teve como objetivo central discutir a doutrina para o emprego do Míssil Tático de Cruzeiro MTC-300, tema extremamente relevante para a Artilharia de Mísseis e Foguetes.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

A abertura do evento, que ocorreu nos dias 9 e 10 de novembro, foi realizada pelo General de Brigada José Júlio Dias Barreto, Gerente do Programa Estratégico ASTROS 2020. Logo após, o General de Exército Marcos Antônio Amaro dos Santos, Chefe do Estado-Maior do Exército (EME), realizou uma palestra sobre o tema “A Artilharia Estratégica de Mísseis e Foguetes – um olhar para o futuro – evolução da capacidade operacional da Força Terrestre”.

Na sequência, o General de Divisão Adilson Carlos Katibe, 3º Subchefe do Estado-Maior do Exército, abordou o tema “O Pensamento e o Planejamento Operacional e Estratégico da Força Terrestre para emprego dos Comandos Estratégicos, em operação da Defesa da Pátria”. Posteriormente, o General de Brigada Sérgio Luiz Tratz, Chefe do Centro de Doutrina do Exército, palestrou sobre o tema “Nível Operacional e Estratégico da Força Terrestre para emprego da Defesa da Pátria.

Na parte da tarde, proferiram palestras o General de Brigada Ricardo José Nigri, Comandante de Aviação do Exército, sobre o tema “Comando de Aviação do Exército, Missão, Estrutura, Níveis de Emprego e Coordenação das Ações”; o General de Brigada Antônio Ribero da Rocha Neto, Comandante de 1ª Brigada de Artilharia Antiaérea, sobre “1ª Brigada de Artilharia Antiaérea, Missão, Estrutura, Níveis de Emprego e Coordenação das Ações; e, finalizando o ciclo, o General de Brigada Valério Luiz Lange, Comandante de Artilharia do Exército, sobre o tema “O Emprego no Nível Operacional do Sistema ASTROS”.

Além das participações de militares especialistas no assunto, o evento contou com a presença dos alunos do Curso de Planejamento de Emprego do Sistema de Mísseis e Foguetes e Professores da Universidade Federal de Santa Maria (RS).

blank

Fonte: Cmdo Art Ex
Marcelo Barros
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).