O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, palestrou, na manhã desta segunda-feira (23), em Brasília (DF), para alunos do Curso de Estado-Maior para Oficiais Superiores da Escola de Guerra Naval, localizada no Rio de Janeiro (RJ). A palestra foi realizada por meio de videoconferência e teve o objetivo de apresentar a atual conjuntura do Comando da Aeronáutica (COMAER), seus desafios e perspectivas para o futuro.

Após as palavras iniciais do Diretor da Escola de Guerra Naval, Contra-Almirante Paulo César Bittencourt Ferreira, o Comandante da Aeronáutica realizou sua apresentação para os 124 alunos, sendo 118 da Marinha, dois da Força Aérea Brasileira (FAB) e quatro representantes de Forças Armadas estrangeiras.

201123TAM69667 Thallys Amorim

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Dentre os assuntos abordados, o Tenente-Brigadeiro Bermudez tratou sobre: a Missão e a Estrutura Gerencial de Alto Nível do COMAER, o sistema de ensino da FAB, as principais Operações e Exercícios realizados em 2020 e os projetos estratégicos da Força Aérea.

“A Missão do Comando da Aeronáutica é manter a soberania do espaço aéreo e integrar o território nacional, com vistas à defesa da Pátria. Para entender o tamanho dessa responsabilidade, é preciso conhecer a nossa área de atuação, que vai além da nossa fronteira geográfica. A Dimensão 22 corresponde a uma área de 22 milhões de km², um cenário tridimensional que a Força Aérea Brasileira protege por meio das ações de Controlar, Defender e Integrar”, destacou o Tenente-Brigadeiro Bermudez.

Escola de Guerra Naval

egn

A Escola de Guerra Naval (EGN), Organização Militar da Marinha Brasil, é uma instituição de altos estudos militares, que tem o propósito de contribuir para a capacitação dos Oficiais no desempenho de comissões operativas e administrativas, assim como no exercício de cargos de Comando, Chefia, Direção e em funções de Estado-Maior nos altos escalões da Marinha.

Fotos: Soldado T. Amorim/CECOMSAER

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).