blank

Manaus (AM) – Desatracou do Centro de Embarcações do Comando Militar da Amazônia (CECMA) em Manaus, no dia 11 de julho, o Ferry Boat Uirá e a lancha Aripuanã, especializada em realização de levantamentos hidroceanográficos, do Centro de Hidrografia e Navegação do Noroeste (CHN-9) da Marinha do Brasil (MB), para realizar o levantamento hidrográfico do trecho Manaus x Camanaus em São Gabriel da Cachoeira. A missão conjunta inédita tem por objetivo buscar rotas de navegação mais seguras para o transporte de suprimentos pelos rios da Amazônia Ocidental, reduzindo os riscos, o tempo de viagem e os custos no transporte dos materiais necessários para a manutenção das tropas da fronteira oeste do País.

A equipe formada por militares do CECMA e CHN-9 navegará por cerca de 40 dias, realizando coleta de dados em um trecho de aproximadamente 1005 quilômetros da calha do Rio Negro. Serão utilizados equipamentos modernos e, ao final da jornada, serão geradas informações atualizadas.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Na região,  são realizadas viagens fluviais com transporte logístico, bem como atividades que empregam embarcações táticas em operações fluviais. Assim, a interoperabilidade entre o Exército Brasileiro e a Marinha do Brasil, por meio do trabalho conjunto entre o CECMA e o CHN-9, diminuirão as dificuldades logísticas para manutenção das tropas de ambas. A interoperabilidade contribuirá, futuramente, para atualização cartográfica, melhorando a logística de suprimentos para os municípios da região.

Fonte: CECMA (EB) e CHN 9 (MB)