Em julho, vestimos amarelo e unimos esforços na luta contra as hepatites virais, enfermidades que acometem o fígado e são provocadas por vírus de cinco diferentes classes, denominados A, B, C, D e E. A campanha “Julho Amarelo”, instituída no Brasil pela Lei nº 13.802/2019, ressalta a necessidade de vigilância, prevenção e controle dessas doenças. A importância dessa campanha é evidenciada pelos números alarmantes do Ministério da Saúde: anualmente, no mundo todo, aproximadamente 1,4 milhão de mortes estão associadas às hepatites, seja por infecção aguda, câncer hepático ou cirrose.

A Marinha na Campanha Julho Amarelo

Para contribuir com essa causa, o Centro Médico Assistencial da Marinha, por meio do Ambulatório Naval da Penha (ANP) e suas OM Subordinadas, realizará um evento no dia 25 de julho de 2023, com foco em ações preventivas voltadas para os usuários do Sistema de Saúde da Marinha. Esse evento tem como principal objetivo conscientizar e prevenir o público quanto aos riscos das hepatites virais.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Ações Preventivas e Educativas

Entre as atividades previstas para o evento estão palestras multiprofissionais, que proporcionarão um amplo conhecimento sobre as hepatites virais. Haverá também distribuição e exposição de material informativo e de prevenção, de modo a oferecer a todos os participantes o acesso a informações confiáveis e estratégias para evitar a contaminação pelos vírus das hepatites.

Locais de Realização

O evento ocorrerá em diferentes locais, como o Ambulatório Naval da Penha, a Policlínica Naval Nossa Senhora da Glória, a Policlínica Naval de Niterói, a Policlínica Naval de Campo Grande, a Unidade Integral de Saúde Mental, o Sanatório Naval de Nova Friburgo e a Odontoclínica Central da Marinha. Essa capilaridade permite que o evento alcance uma ampla gama de usuários do Sistema de Saúde da Marinha, multiplicando a conscientização e prevenção contra as hepatites virais.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).