Entre os dias 29 de abril e 1º de maio de 2024, o 1º Batalhão de Defesa Química, Biológica, Radiológica e Nuclear (1º Btl DQBRN) sediado no Rio de Janeiro, desempenhou um papel crucial no fortalecimento das capacidades de defesa QBRN entre o Brasil e os Estados Unidos. O batalhão recebeu uma comitiva de especialistas do 2nd e 24th Civil Support Team (CST) da Guarda Nacional de Nova Iorque, um movimento estratégico visando um exercício combinado planejado para julho de 2024 entre o Exército dos EUA e o Exército Brasileiro.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Objetivos do Planejamento

blank

Este intercâmbio teve um objetivo duplo: preparar os militares para um exercício conjunto e transferir conhecimentos essenciais para a segurança da Copa do Mundo de Futebol de 2026. Os especialistas envolvidos no encontro trocaram experiências valiosas sobre planejamento operacional, técnicas, táticas e procedimentos (TTP) específicos para a detecção e descontaminação de agentes QBRN.

Experiência Compartilhada

Durante os encontros, os militares brasileiros compartilharam insights e aprendizados obtidos durante a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016, eventos nos quais o 1º Btl DQBRN teve participação ativa na segurança QBRN. Essa troca de experiências é vital para a preparação de ambas as nações em oferecer respostas rápidas e eficazes a possíveis ameaças em grandes aglomerações públicas.

Impacto do Intercâmbio

O intercâmbio é um testemunho do compromisso mútuo em melhorar a segurança internacional e a capacidade de resposta a emergências QBRN. A colaboração entre Brasil e EUA não apenas eleva o nível de preparação para a Copa do Mundo de 2026, mas também reforça as relações diplomáticas e militares entre as duas nações, consolidando uma parceria estratégica em defesa e segurança.