blank

Google News

No período 2 a 5 de maio, o Estado-Maior (EM) do 25º Batalhão de Infantaria Pára-quedista (25º BI Pqdt) está realizando a 1ª Simulação Construtiva de 2022, exercício previsto no escopo do plano de adestramento da Brigada de Infantaria Pára-quedista.

Entre no canal do Defesa em Foco no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia

A Simulação tem como objetivo principal capacitar e adestrar o EM da Força-Tarefa Afonsos no planejamento de operações convencionais utilizando o Processo de Planejamento e Condução das Operações Terrestres para Defesa da Pátria e para a manutenção da capacidade operacional de mobilidade estratégica e prontidão.

Durante a simulação propriamente dita, o EM planejou um assalto aeroterrestre com meios recebidos da Força Aérea Brasileira na zona de lançamento Mirim (RS), por meio das aeronaves C-105 Amazonas, C-130 Hércules e KC-390 Millennium; reorganização; marcha para o combate; ataque coordenado, com a finalidade de estabelecer a conquista e manutenção de uma cabeça de ponte aérea numa área de interesse para o escalão superior; além de diversas situações de condutas por meio de problemas militares simulados.

O planejamento do EM está sendo realizado no Ccentro de Operações Táticas, que seria estabelecido após a chegada do Escalão de Acompanhamento na área de operações.

Ao concluir essa etapa, o 25º BI Pqdt segue se adestrando, sempre apto para atuar, no prazo máximo de 24 horas após o seu acionamento, em qualquer parte do território nacional ou em outras regiões de interesse estratégico no exterior.

Fonte: Batalhão de Infantaria Pára-quedista