Garanhuns (PE) – Organizações militares subordinadas ao Comando Militar do Nordeste (CMNE) enviaram seus militares para capacitação no Estágio de Caçador de Corpo de Tropa/2022, organizado pelo 71º Batalhão de Infantaria Motorizado, no período de  20 de junho a 1º de julho.

Popularmente conhecido como “sniper”, o Caçador de Corpo de Tropa é considerado um eficiente multiplicador do poder de combate, que tem como principal missão detectar, engajar e neutralizar alvos compensadores e a capacidade de atuar como elemento de inteligência levantando informações sobre o ambiente operacional.

Participaram do estágio 21 militares do Exército Brasileiro e um  policial civil do estado de Pernambuco. Durante as duas semanas de intensas atividades teóricas e práticas, foram ministradas instruções de avaliação de distâncias, técnicas de tiro em alvos móveis, técnicas de tiro em alvos de até 800 metros, técnicas de caçada, em diversos ambientes operacionais, e marchas conduzindo o material de emprego do caçador, contribuindo para a ampliação das capacidades operativas das tropas do CMNE.

Fonte: 71º BI Mtz

Marcelo Barros, com informações e imagens do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui