Google News

A Estação de Medidas Magnéticas de Navios (EMMN), que faz parte do Complexo da Magnetologia da Base Naval de Aratu (BNA), realizou, no dia 30 de junho, a medição da assinatura magnética do Navio-Patrulha “Guaratuba”, subordinado ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Leste (ComGptPatNavL).

Para o mês de julho estão programadas as corridas magnéticas do Navio-Varredor “Araçatuba” e do Navio-Patrulha “Gravataí”. Em outubro, o Submarino “Riachuelo” realizará a sua primeira medição de assinatura magnética e tratamento magnético. O mesmo procedimento será aplicado nas Fragatas “Classe Tamandaré”, integrantes do Programa de Construção do Núcleo do Poder Naval, quando do seu comissionamento.

A medição magnética ocorre por meio da navegação entre duas raias magnéticas da EMMN, cumprindo corridas nos sentidos Norte, Sul, Leste e Oeste magnéticos. As informações coletadas pelos sensores são transmitidas a uma central dotada de equipamentos, no interior do Forte de Itaparica, que subsidiam o cálculo da assinatura magnética do navio, essencial para o auxílio ao controle de irradiações e redução do risco de detecção por sistemas hostis.

A BNA possui a única estação de medição magnética de Navios da América Latina, operando desde a década de 80, localizada no Forte de São Lourenço na Ilha de Itaparica (BA).

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui