blank

Google News

No último dia 26 de dezembro, o ex-Atirador do Tiro de Guerra de Paranavaí (TG 05/010), Victor Hugo da Cunha, realizou a manobra de Heimlich para salvar o amigo Victor Lucas Vicente, que também é ex-Atirador.

Entre no canal do Defesa em Foco no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia

O amigo aplicou a técnica de primeiros socorros ao ver o colega se engasgar com um pedaço de alimento. Ele e mais dois amigos estavam jantando em uma lancheria quando tudo aconteceu. A ação foi rápida: Victor da Cunhapercebeu imediatamente o engasgamento e, por ter recebido a instrução dessa técnica de salvamento quando serviu no TG, executou a manobra. Foram 15 segundos entre o momento em que ele percebeu o engasgamento e o momento em que finalizou o salvamento. “Eu estava preparado para aquela situação, me senti, sabe, um herói literalmente, ele [amigo] até ficou brincando – você é meu herói”, disse o ex-atirador que salvou o amigo.

O agora “herói” destacou a importância da formação militar, pois se não tivesse servido no Tiro de Guerra, não estaria preparado para aquele momento, episódio que marcou a vida dos dois reservistas e fortaleceu a amizade. Eles serviram no TG no ano de 2020, inclusive foram do mesmo pelotão: Victor da Cunha foi atirador 92 e Victor Vicente,o atirador 93.

Importante ressaltar que essa técnica pode ser realizada por qualquer pessoa, desde que tenha tido o treinamento. A manobra de Heimlich é uma técnica aplicada em caso de uma pessoa ter as vias aéreas obstruídas por material sólido.

 

blank
blank
blank
blank
blank
blank
blank
blank
blank
blank