No dia 8 de novembro, a Agência Fluvial de Penedo (AgPenedo), em colaboração com a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ), conduziu uma ação de fiscalização conjunta focada nas embarcações de cargas e passageiros operando na navegação de travessia no Baixo São Francisco.

Áreas de Inspeção e Objetivos

As equipes de inspeção da AgPenedo e da ANTAQ, pertencentes à Gerência Regional do Recife, inspecionaram os serviços de travessias nas regiões de Pão de Açúcar-AL / Porto da Folha-SE e Belo Monte-AL / Ilha do Ouro-SE. O principal objetivo da fiscalização era verificar a regularidade das operações, assegurando a conformidade com as outorgas de autorização da ANTAQ.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Foco na Orientação e Cumprimento da Lei

as1 18

A ação conjunta enfocou a orientação sobre os direitos e deveres dos passageiros e a fiscalização do cumprimento da Lei de Segurança do Tráfego Aquaviário. Além disso, foram realizadas orientações sobre o uso adequado dos equipamentos de salvatagem, essenciais para garantir a segurança na navegação.

Acordo de Cooperação Técnica

Esta fiscalização é parte de um acordo de cooperação técnica entre a Marinha do Brasil e a ANTAQ. O acordo tem como finalidade a união de esforços para garantir a segurança da navegação, a prevenção da poluição hídrica e a proteção da vida humana nas águas.

Impacto Positivo na Segurança Aquaviária

A iniciativa conjunta entre AgPenedo e ANTAQ representa um passo significativo para reforçar a segurança e a eficiência dos serviços de navegação fluvial, impactando positivamente na segurança dos passageiros e na qualidade dos serviços prestados.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).