No período de 25 a 27 de novembro, a 1ª Brigada de Infantaria de Selva (1ª Bda Inf Sl) – “Brigada Lobo D’Almada” realizou operações na Faixa de Fronteira nas áreas urbana e rural do município de Pacaraima, norte do estado de Roraima. A finalidade da operação foi intensificar o patrulhamento e aumentar a sensação de segurança da população local. As ações foram executadas em coordenação com órgãos de segurança pública federais e estaduais.

Foram realizadas patrulhas motorizadas e a pé, posto de controle e bloqueio de via urbana, vasculhamento de área, static points e check points nas ruas da sede do município, nas trilhas que demandam ao território brasileiro e nas vias da área rural.

Aumentando a capacidade de deslocamento das tropas, a 1ª Bda Inf Sl foi apoiada por uma aeronave HM-1 Pantera, do 4º Batalhão de Aviação do Exército. A Brigada Lobo D’Almada empregou um efetivo de 470 militares e 50 viaturas, atuando para coibir e reprimir delitos transfronteiriços na região e potencializando as atividades de fiscalização na fronteira Brasil – Venezuela.

No contexto da Operação Pacaraima, foram desenvolvidas ações cívico-sociais (ACISO) nas comunidades indígenas de Placas e Contão. Com o apoio de indígenas da comunidade, a tropa da Companhia de Comando da 1ª Bda Inf Sl, apoiada por elementos de Engenharia do 6º Batalhão de Engenharia de Construção, revitalizou um posto médico e um galpão que serve de apoio para os indígenas da região.

Militares do Serviço de Saúde das OM da brigada aplicaram testes rápidos para a detecção da COVID-19 e realizaram uma palestra ensinando as medidas de prevenção para os indígenas, além de prestar assistência médico-odontológica para a população local.

Todos os militares que participaram da operação seguiram os protocolos preconizados pelo Ministério da Saúde e pelo Exército Brasileiro para a prevenção à COVID-19.

Fonte: 1ª Bda Inf Sl
Marcelo Barros
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui