Em uma cerimônia memorável realizada no dia 24 de abril, no Campo de Parada do Regimento Osorio, militares do regimento foram agraciados com a Medalha do Mérito “Lanceiros de Osorio” e outras distinções. O evento não só reconheceu o empenho e a dedicação desses militares, mas também celebrou as contribuições de autoridades civis e militares, assim como de entidades que têm apoiado as atividades do regimento, sua representação e a manutenção das tradições da cavalaria Brasileira.

A Medalha do Mérito “Lanceiros de Osorio”

blank

A Medalha da Ordem do Mérito “LANCEIROS DE OSORIO” é uma condecoração de alto prestígio, concedida a indivíduos e entidades que colaboram significativamente com o regimento em diversas áreas, incluindo instrução, representação e guarda. Além disso, essa honraria reconhece esforços para dignificar e honrar a memória do Insigne Marechal Manoel Luis Osório, Patrono da Arma Ligeira, uma figura histórica de grande importância para a cavalaria e para o Exército Brasileiro.

Militares Agraciados e Suas Condecorações

A lista de agraciados este ano incluiu desde sargentos até soldados, todos reconhecidos por seus serviços exemplares. Entre eles, o 2º SGT Nathanael Ribeiro Rosa e o 2 SGT Caio Saraiva Jannotti receberam a Medalha Militar com passador de bronze. O 2° SGT Carlos Magno Raposo Nunes foi homenageado com a Medalha Corpo de Tropa com passador de bronze. Além desses, vários cabos e soldados receberam a prestigiosa Medalha do Mérito “Lanceiros de Osorio”, reconhecendo suas contribuições valorosas e contínuas ao regimento.

Presença e Apoio dos Familiares

A cerimônia, presidida pelo Tenente Coronel Éderson, Comandante do Regimento, foi especialmente significativa pela presença dos familiares dos agraciados, que puderam compartilhar o orgulho e a alegria desses momentos de reconhecimento. A presença desses familiares não só enaltece o significado do evento, mas também fortalece os laços entre o regimento e a comunidade.

Importância da Cerimônia para o Regimento Osorio

O Regimento Osorio sente-se honrado em compartilhar com a sociedade esses momentos de reconhecimento e celebração. Essas condecorações não apenas reafirmam o compromisso dos militares com a excelência e a dedicação ao serviço, mas também destacam a importância da tradição e do legado na formação dos valores militares contemporâneos.

Marcelo Barros, com informações do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).