PHM Atlântico teve sua denominação alterada para NAM Atlântico

NAM Atlântico
Navio-Aeródromo Multipropósito Atlântico (NAM “Atlântico”)

Google News

Em 12 de novembro de 2020, por meio da Portaria nº 328/MB do Comandante da Marinha, o Porta-Helicópteros Multipropósito Atlântico (PHM Atlântico) teve a sua denominação alterada para Navio-Aeródromo Multipropósito Atlântico (NAM Atlântico).

Tal alteração do tipo de navio deve-se ao fato de o meio possuir a capacidade de operar em seu convoo com aeronaves remotamente pilotadas bem como com aeronaves turbohélice de pouso vertical.

História do NAM Atlântico

O NAM Atlântico, originalmente chamada de HMS Ocean, foi construído pelo estaleiro Vickers e serviu por vinte anos na Marinha Real do Reino Unido, sendo vendida pelo governo britânico à marinha brasileira em fevereiro de 2018, quando recebeu a atual denominação, com sua reentrada no serviço ativo em junho de 2018. Foi projetado para operações navais anfíbias, com ênfase em desembarque de tropas, principalmente os Royal Marines, e apoio com helicópteros de ataque e transporte.

Processo de compra

Em 2017, o Brasil anunciou intenções de comprar a embarcação. O Reino Unido colocou o preço do navio em £ 80,3 milhões de libras (ou US$ 105,8 milhões de dólares), oferta que o governo brasileiro chamou de “conveniente”. No mesmo mês, a Turquia também havia demostrado interesse.

Em dezembro de 2017, o Ministério da Defesa do Brasil entrou em negociações formais para comprar o HMS Ocean por R$ 350 milhões de reais, com o intuito de substituir o aposentado NAe São Paulo (A12). Ainda em dezembro, o governo brasileiro acertou oficialmente a compra da embarcação por £84 milhões de libras (ou R$ 359,5 milhões). O HMS Ocean foi descomissionado da Marinha Real em março de 2018 e comissionado à Marinha do Brasil em junho do mesmo ano.

Na época ocorreu muita dúvida de qual nome adotaria, até que a Marinha do Brasil decidiu chamar o navio de Porta-Helicópteros Multipropósito (PHM) Atlântico, conforme publicação no Diario Oficial da União. Tendo agora via Portaria nº 328/MB tendo sua denominação alterada para Navio-Aeródromo Multipropósito (NAM) Atlântico.

Fonte: Marinha do Brasil

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui