A Base Aérea de Santa Maria (BASM), localizada em Santa Maria (RS), iniciou, no dia 9, a distribuição de 200 kits de alimentos aos estudantes atendidos pelo Programa Forças no Esporte (PROFESP). O objetivo da ação é o suporte às famílias dos participantes do Programa durante o período de contingência, devido ao novo Coronavírus. A alimentação diária, que seria entregue às crianças, foi substituída por kits. As atividades presenciais do programa foram suspensas, temporariamente, em virtude da pandemia da COVID-19.

Foram entregues 100 kits de alimentos no Complexo Desportivo I e 100 kits diretamente nas escolas conveniadas ao Programa. “Estes kits vão nos ajudar muito. Esse trabalho é muito importante pra nós e para os nossos filhos”, destacou Sirlei Teresinha de Oliveira, mãe de um dos participantes do Programa.

O Comandante da BASM, Coronel Aviador Wilson Paulo Corrêa Marques, reforçou a importância da ação. “A continuidade da assistência, ainda que as atividades presenciais do Programa estejam suspensas, é de extrema necessidade”, disse.

O PROFESP é desenvolvido pelo Ministério da Defesa, em parceria com o Ministério da Cidadania. O Programa conta com o apoio das Forças Armadas, no atendimento de crianças, adolescentes e jovens de ambos os sexos, de seis a 18 anos de idade, da rede pública de ensino, e em parceria com as Prefeituras das cidades onde há núcleo.

Além do acesso à prática de atividades esportivas e socialmente inclusivas, realizadas no contra turno escolar dentro de Organizações Militares, há, ainda, o fornecimento de refeições diárias.

Doação de Refeições

Desde o dia 30 de março, a Guarnição de Aeronáutica de Santa Cruz (GUARNAE-SC), em Santa Cruz (RJ), por meio da Comissão de Assistência Social, realiza a doação de refeições às instituições que atendem a comunidades carentes da região. A ação objetiva aproveitar os alimentos excedentes pelo efetivo da Guarnição na hora do almoço. Até o dia 14 de junho, oito instituições de caridade foram beneficiadas com 1.071 marmitas doadas.

Em consideração ao momento atual, a Guarnição de Aeronáutica de Santa Cruz se solidarizou com a situação das diversas famílias que passam por dificuldades no bairro e se propôs a prestar a contribuição por meio desse projeto de Ação Social. A ação também tem base na Lei n°14.0016, de 23 de junho de 2020, que incentiva o combate ao desperdício de alimentos e autoriza a doação, desde que atendidas as exigências estabelecidas, como prazo de validade e condições de conservação.

Vale ressaltar que todos os descartáveis e etiquetas necessários para cumprir as normas preestabelecidas foram adquiridos através de doações dos próprios militares desta Guarnição, totalizando 4200 recipientes para o armazenamento adequado desses alimentos.

Fotos: Soldado Kassiel/GUARNAE-SC  e Sargento Neubar/BASM

Marcelo Barros, com informações e imagens da Agência Força Aérea
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui