Militar do ComGptPatNavSE participa de intercâmbio com a Marinha Portuguesa

O Capitão-Tenente Alison Barreto de Oliveira, Chefe do Departamento de Armamento do Navio-Patrulha Oceânico “Apa”, subordinado ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Sudeste (ComGptPatNavSE), embarcou no NRP Setúbal, Navio-Patrulha Oceânico mais novo da Marinha Portuguesa (Classe Viana do Castelo), no dia 16 de abril, em Luanda (Angola).

O NRP Setúbal suspendeu da Base Naval de Lisboa em 1º de março, com o objetivo de dar continuidade à Iniciativa Mar Aberto, no Golfo da Guiné. Com 13 anos, este projeto agrega países pertencentes à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa para a cooperação em diversas áreas de interesse comum, como a segurança marítima e atividades científicas. Durante a comissão, o Navio também participou do exercício “OBANGAME EXPRESS 2021”. A Iniciativa Mar Aberto 2021 marca a primeira experiência das Presenças Marítimas Coordenadas da União Europeia, que permitirá articular a ação de meios navais europeus, promovendo a troca de informação e contribuindo para reduzir a insegurança no Golfo da Guiné, a região mais afetada pela pirataria no mundo. O navio ainda visitará, na sequência da viagem, os portos de Lobito (Angola), Príncipe (São Tomé e Príncipe), Lagos (Nigéria), Acra (Gana) e Mindelo (Cabo Verde), antes de regressar para Lisboa, em 30 de maio.

O intercâmbio do oficial da Marinha do Brasil tem o objetivo de estreitar ainda mais os laços entre as Marinhas Amigas, além de assegurar a cooperação e troca de conhecimentos relativos à operação de navios-patrulha oceânicos, em especial a Patrulha Naval e a busca e salvamento no mar, no entorno estratégico brasileiro, em prol da segurança da navegação no Golfo da Guiné.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Marcelo Barros, com informações da Marinha do Brasil
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).