Google News

Nesta terça-feira (14), as Forças Armadas deram início a mais uma fase da Operação Ágata, com a intensificação de ações de patrulhamento e controle de rodovias na faixa de fronteira no oeste do Paraná. A operação não tem prazo para terminar.

Na região da Ponte da Amizade, fronteira entre Brasil e Paraguai, através de Foz do Iguaçu e Cidade do Leste, vários militares estavam presentes na fiscalização, o que gerou filas. Veículos blindados, caminhões e barcos estão sendo utilizados na operação.

Mais de 200 fuzileiros navais da Marinha estão envolvidos em ações preventivas e repressivas, tais como estabelecimento de postos de bloqueio e de controle de estradas (vias urbanas e rurais) e patrulhamento das margens do Rio Paraná e lago de Itaipu.

Esta operação é executada pela 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada, em coordenação com os diversos OSP e Órgãos de Fiscalização das esferas Federal, Estadual e Municipal, visando a coibir os ilícitos transfronteiriços (descaminho, contrabando e tráfico).

Durante todo o período da operação serão cumpridos todos os procedimentos de segurança para prevenção e combate à Covid-19.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui