A terceira edição do Encontro Anual do Grupo de Pesquisa e Estudos Prospectivos da Faculdade Presbiteriana Mackenzie Brasília (NEP-Mackenzie Brasília) – ENEP, marcada para os dias 2 e 3 de março, das 15h30 às 18h, será em formato on-line com transmissão aberta e gratuita pelo canal oficial da Faculdade no youtube. O evento representa a retomada dos trabalhos do grupo, com a apresentação do andamento das pesquisas iniciadas ou dos trabalhos concluídos pelo NEP, em 2020.

O objetivo da iniciativa é o de compartilhar com a sociedade os avanços em pesquisa realizados pelo Grupo durante o ano e, assim, divulgar a produção científica e tecnológica no campo dos estudos de futuro. O trabalho neste segmento pretende, entre outras questões, organizar e assegurar um processo decisório mais assertivo em cenários políticos, econômicos e sociais impactados por algum acontecimento relevante na atual conjuntura.

A programação do evento contempla debates sobre as “Competências essenciais para construção e planejamento de cenário”, o “Futuro do Trabalho no Brasil em 2030”, “A prospectiva e o uso da inteligência coletiva para uma gestão pública por governança”, e as “Perspectivas filosóficas sobre estudos de futuro”.

Programação e links para assistir

02/03/2021 – terça-feira

Assista: III ENEP – DIA 1

15:30 – 15:50 – Abertura
Prof. Domingos Sávio Spezia – Coordenador Acadêmico
Dra. Elaine Marcial, Coordenadora do NEP-Mackenzie

15:50 – 16:50 – Palestras de abertura: Estudos de futuro: potencialidades e desafios
Dr. Ricardo Borges de Castro (Membro Associado, Global Fellowship Initiative, Geneva Centre for Security Policy e ex-Conselheiro em Prospectiva Estratégica do European Political Strategy Center -EPSC, o think tank interno da Comissão Europeia)

16:50 – 17:30 – Com engajar diversas instituições para a prática do foresight? Reflexões a partir do evento anual da OCDE.
Dra. Elaine Marcial
Dr. Rodrigo Leal

03/03/2021 – quarta-feira

Assista: III ENEP – DIA 2

15:30 – 15:50 Dra. Elaine Marcial – Resultados do NEP-Mackenzie 2020
15:50 – 16:00 Dr. Marcello Pio – Competências essenciais para construção e planejamento por cenário
16:00 – 16:10 Ms. Marcos Pena – Perspectivas filosóficas sobre estudos de futuro
16:10 – 16:20 Dr. Thomaz Frongalia – Avaliação de cenários prospectivos
16:20 – 16:30 Dr. Rodrigo Mendes Leal – Cenários Prospectivos, Estratégia e Gestão de Riscos
16:30– 16:40 Ms. Marcos Françozo – Usos da prospectiva na definição da estratégia: a experiência da União Europeia e do Reino Unido
16:40 – 16:50 Ms. Livia Torres – Observatório Solos – Desafios na consolidação de uma instância prospectiva numa unidade de pesquisa da Embrapa
16:50– 17:00 Ms Carolina Lopes –Futuro do Trabalho no Brasil em 2030
17:00 – 17:10 Ms. Ariel Cecilio Garces Pares – A prospectiva e o uso da inteligência coletiva para uma gestão pública por governança
17:10 – 17:30 Perguntas, debate e encerramento (Elaine Moderadora)

Marcelo Barros
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui