blank
Levantamento Hidrográfico na Elevação de Rio Grande e estações de observações batitermográficas

Google News

O Navio Hidroceanográfico (NhoCSul) “Cruzeiro do Sul” realizou, entre os dias 15 de março e 8 de abril, a Comissão “LEPLAC ERG”, na região da Elevação do Rio Grande (ERG), na qual foram efetuadas sondagens de 2.545,5 milhas náuticas (4714,266 km), em apoio ao Plano de Levantamento da Plataforma Continental (LEPLAC) e ao Programa de Avaliação da Potencialidade Mineral da Plataforma Continental Jurídica Brasileira (REMPLAC).

Entre no canal do Defesa em Foco no Whatsapp e fique por dentro de todas as notícias do dia

A Elevação do Rio Grande, que compõe geomorfologicamente a Plataforma Continental Brasileira, constitui-se de uma feição com elevado potencial econômico, mineral e energético, o que lhe confere importância estratégica e grande demanda por estudo e aproveitamento. Nesse sentido, o navio empregou sofisticados equipamentos de batimetria e de sísmica para efetuar a coleta de dados na região.

Durante a Comissão, em apoio à Petrobras, também foram efetuadas 49 estações de observação de perfis batitermográficos, por meio de lançamentos de Expendable Bathythermografphs (XBT).

blank
Dispositivo da boia Spotter V2 lançado pelo Navio Hdroceanográfico “Cruzeiro do Sul”

Além disso, também foi lançada uma boia meteoceanográfica Spotter V2, ao sul do Arquipélago de Alcatrazes, em apoio ao “Projeto REMO Observacional”, contribuindo para a consolidação do desenvolvimento de Boias Meteoceanográficas Nacionais, além de fornecer ao Centro de Hidrografia da Marinha informações relevantes para o apoio às atividades de Meteorologia e Oceanografia do Brasil.