Navio de guerra não tripulado com enxame de drones armados para o Corpo de Fuzileiros Navais Americanos 

blank
Imagem: metalsharkboats.com

O Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA selecionou a empresa Metal Shark, fabricante de navios com sede na Louisiana para construir uma embarcação de guerra não tripulado de longo alcance equipado com seu próprio enxame de drones armados.

Junto com os veículos não tripulados, o Sistema de Navios de Superfície Não Tripulados de Longo Alcance (LRUSV) carregará vários sistemas de armas que podem ser lançados e recuperados autonomamente pela plataforma, disse a fabricante Metal Shark

“A Metal Shark projetou, construiu e entregou mais de 400 embarcações autônomas e operadas remotamente até o momento. À medida que desenvolvemos e implantamos o sistema LRUSV para o Corpo de Fuzileiros Navais, continuaremos a trabalhar com clientes em todos os mercados governamentais e comerciais, integrando os sistemas de vários parceiros de tecnologia em nossos barcos, solidificando nossa posição de liderança no espaço de embarcação autônoma e simplificando o caminho para a autonomia.” Chris Allard, CEO da Metal Shark
blank
Embora totalmente autônomas, as embarcações podem ser opcionalmente tripuladas e transportarão várias cargas úteis, as quais serão capazes de lançar e recuperar de forma autônoma. Imagem: Metal Shark

O programa LRUSV é o mais recente sucesso para a divisão Sharktech Autonomous Vessels da Metal Shark , uma subsidiária integral lançada em 2018 e especificamente focada no avanço da tecnologia de embarcações não tripuladas. Em setembro, foi anunciado que a Guarda Costeira dos Estados Unidos havia selecionado um navio de teste autônomo Sharktech de 29 pés equipado com autonomia pelo desenvolvedor de tecnologia Sea Machines com sede em Boston para avaliação pelo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da USCG. Em 2019, Metal Shark foi selecionado pela US Navy PMS 406 (Divisão de Sistemas Marítimos Não Tripulados do Naval Sea Systems Command) para a Família de Sistemas Não Tripulados Multi Award IDIQ, um contato geral da Marinha cobrindo vários tópicos no espaço autônomo. Como um integrador de tecnologia agnóstico de marca ativamente engajado com vários desenvolvedores no espaço não tripulado, a divisão Sharktech da Metal Shark também produziu e entregou embarcações autônomas equipadas com soluções de autonomia da L3 Harris (anteriormente ASV Global).

Este sistema de armas escalonável em camadas fornecerá a capacidade de rastrear e destruir alvos com precisão em todo o espaço de batalha. Embora totalmente autônomas, as embarcações podem ser opcionalmente tripuladas e transportarão várias cargas úteis, as quais serão capazes de lançar e recuperar de forma autônoma.

Além do LRUSV autônomo, a Metal Shark também produzirá embarcações de apoio tripuladas para o sistema LRUSV utilizando sua plataforma de embarcações de patrulha militar 40 Defiant, que o construtor está produzindo atualmente para criar a nova frota de embarcações de patrulha “40 PB” da Marinha dos EUA.

Fonte: Metal Shark Boats

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

Receba nossas notícias em tempo real através dos aplicativos de mensagem abaixo:

blank
WHATSAPP: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui