A Guarnição de Aeronáutica de Natal (GUARNAE-NT) teve, pela primeira vez, uma Oficial da Organização Militar integrando a Missão de Paz das Organizações das Nações Unidas no Sudão do Sul (UNMISS). A Tenente Intendente Yasmin Lys da Cruz Furtado, do efetivo da Prefeitura de Aeronáutica de Natal, embarcou no dia 1º de dezembro.

Após se voluntariar e cumprir os requisitos necessários, a Tenente Yasmin Lys realizou o Estágio de Preparação para Missão de Paz no Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB), localizado no Rio de Janeiro (RJ), ainda em 2020. O Estágio tem duração total de dez semanas e é dividido nas fases à distância e presencial. Durante o treinamento, os militares receberam instruções de primeiros socorros, comunicação rádio, negociação, simulação de patrulha, além da contextualização sobre a composição da ONU, seus departamentos e funções. Após a indicação para a vaga, a militar participou do Estágio de Operações de Paz para Mulheres, em outubro de 2021, realizado pela Marinha do Brasil, também no Rio de Janeiro (RJ).

A Oficial comemorou a oportunidade de realizar o sonho de participar da Missão ainda como Tenente e está certa de que novos desafios virão. “Sou grata pela oportunidade de representar nossa Força e nosso País na UNMISS. Espero contribuir nessa missão que considero nobre e importante. Desejo que minha participação possa incentivar outros militares e, principalmente, outras mulheres a se voluntariarem para este tipo de missão”, finalizou.

A Missão de Paz no Sudão do Sul acontece desde o ano de 2011 e conta com a participação de diversos militares brasileiros das Forças Armadas, Forças Auxiliares, civis e agências parceiras da ONU. A Oficial ficará instalada no Quartel-General da ONU em Juba, capital do Sudão do Sul, e dentre as funções a serem exercidas estão a consolidação de relatórios emitidos e o controle de uma das seis áreas em que o Sudão do Sul é dividido, onde ocorrem as missões e patrulhas da ONU. A missão desempenhada pela militar terá duração de um ano.

Além da Tenente Yasmin Lys, outros 32 militares da GUARNAE-NT, entre Oficiais, Graduados, Cabos e Soldados já participaram de outros contingentes em Missões de Paz da ONU.

Fotos: Arquivo Pessoal

Marcelo Barros, com informações da Agência Força Aérea
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui