Equipe do 9º Curso de Estado-Maior Conjunto, no Instituto Superior de Estudos de Defesa “Tenente-General Armando Emílio Guebuza”

A Marinha do Brasil (MB) participou da instrução sobre Operações de Coordenação e Cooperação com Agências em prol do 9º Curso de Estado-Maior Conjunto (CEMC), no Instituto Superior de Estudos de Defesa “Tenente-General Armando Emílio Guebuza” (ISEDEF), em Moçambique, África.

Na oportunidade, o representante da Marinha na Cooperação Militar Brasileira em Moçambique (CMB-M) apresentou o Processo de Planejamento Interagências que baliza a preparação das Operações Interagências no Brasil, citando exemplos como: Operações “Rio-2016”; “Ágatas”, “Verde-Brasil 1 e 2”; “Covid-19”, bem como as diversas operações entre a MB, PF e Receita Federal resultaram, recentemente, na apreensão de contrabando nos litorais do Ceará e da Bahia.

Durante as aulas, em março, foi abordado o estudo do Problema Interagências “Fronteiras”, uma operação fictícia criada pela CMB-M, exclusivamente para os Oficiais-Alunos do 9º CEMC, com o intuito de contribuir para o aprendizado dos Oficiais Superiores das Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) que desempenharão funções de Estado-Maior, de docência e de assessoria em Estados-Maiores Conjuntos (Nacionais e internacionais).

O ISEDEF outorga o grau de mestre aos estudantes que concluam o Curso de Estado-Maior Conjunto, e Marinha do Brasil está presente durante essa formação profissional em Moçambique.

Marcelo Barros, com informações da Marinha do Brasil
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui