Marinhas do Brasil e dos EUA homenageiam heróis da Segunda Guerra Mundial

blank
Guarda-Marinha lança flores ao mar, com USS "Zephyr" ao fundo.

Google News

No dia 15 de novembro, após conduzir exercícios com o contratorpedeiro USS “William P. Lawrence”, da Marinha dos Estados Unidos da América (EUA), em 28 de outubro, durante a XXXIV Viagem de Instrução de Guardas-Marinha (VIGM), o Navio-Escola “Brasil” participou de uma homenagem aos tripulantes mortos, dentre eles dois oficiais brasileiros, no naufrágio do submarino norte-americano “R-12”, ocorrido durante a Segunda Guerra Mundial.

Contando com uma representação de Guardas-Marinha e da tripulação e com a participação dos Navios USS “Zephyr”, da Marinha Norte-Americana e do USCGC “Charles Sexton”, da Guarda-Costeira daquele país, a homenagem consistiu no lançamento de flores ao mar a partir do Navio brasileiro.

WhatsApp Image 2020 11 15 at 16.54.04 - Marinhas do Brasil e dos EUA homenageiam heróis da Segunda Guerra Mundial

A VIGM, como etapa final da formação dos Oficiais egressos da Escola Naval, tem entre seus propósitos o de estreitar os laços com as nações amigas e familiarizar os Guardas-Marinha com as atividades associadas às Diplomacias Naval e de Defesa, em apoio à Política Externa brasileira. Os próximos portos do Navio-Escola serão Galveston, nos EUA, e Santo Domingo, na República Dominicana.

de54d2e2 511d 4b7b b9a1 19effafce124 - Marinhas do Brasil e dos EUA homenageiam heróis da Segunda Guerra Mundial

O USS “R-12” era um submarino da classe “Romeo”, utilizado à época para treinamento das tripulações de submarinos de combate. O navio naufragou em 12 de junho de 1943, quando realizava uma missão na região de Key West, Flórida. Entre os mortos estavam os CapitãesTenentes JULIO LIMA DE MOURA e ALBERTO GONÇALVES ROSAURO DE ALMEIDA, da Marinha do Brasil, que encontravam-se embarcados realizando intercâmbio com a Marinha dos Estados Unidos.

Em 11 de junho de 1945, os oficiais brasileiros foram condecorados postumamente com a Medalha de Serviços de Guerra.

Desta forma, irmanadas nesse dia, as Marinhas do Brasil e dos Estados Unidos prestaram as justas homenagens àqueles que perderam suas vidas no cumprimento do dever.

Fonte: CCSM

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui