Marinha do Brasil, PM e Vigilância reforçam fiscalização em Porto Rico

Segundo a Prefeitura de Porto Rico, com a chegada das equipes da Marinha, dezenas de lanchas se dispersaram ao longo do Rio Paraná.

blank

Com a chegada da Marinha do Brasil para fiscalização, neste fim de semana, das embarcações atracadas na orla e nas proximidades de Porto Rico e Porto São José, dezenas de lanchas se dispersaram ao longo do Rio Paraná.

Segundo a Prefeitura de Porto Rico, os militares averiguaram a documentação dos condutores e das embarcações. Também foram conferidos os equipamentos de segurança e o número de passageiros permitidos.

A Marinha do Brasil informou que está fiscalizando o cumprimento da Lei n⁰ 9.537 (Lei de Segurança do Tráfego Aquaviário) e por parte da Marinha não há proibição para navegar.

Estão utilizado o etilômetro, o popular bafômetro, para averiguar a possível ingestão de bebidas alcóolicas dos condutores das embarcações.  Os veículos com irregularidades estão sendo multados.

A fiscalização da Marinha segue pelos próximos dias em toda a extensão do Rio Paraná, entre as orlas de Porto Rico e Porto São José, incluindo as prainhas.

Os donos de embarcações, que estão na água, só poderão utilizar as rampas náuticas, tanto de Porto Rico quanto de Porto São José, para retirada dos barcos após ás 6h da próxima segunda-feira (5).

PM e Vigilância Sanitária realizam fiscalização

A prefeitura informou ainda que os fiscais da Vigilância Sanitária de Porto Rico ganharam o reforço de policiais militares, que estão acompanhando o trabalho em toda a orla e território do município. O objetivo da fiscalização é coibir aglomerações e fazer cumprir as normas do Decreto Municipal em vigor.

Além da orla, os fiscais e militares estiveram nos estabelecimentos comerciais da cidade, averiguando se as normas sanitárias contra a propagação da covid-19 estão sendo seguidas, entre elas, o distanciamento entre mesas, a disponibilidade de álcool em gel para o consumidor, o uso de máscaras, entre outras medidas que evitam a propagação do vírus.

Os policiais aproveitaram para fiscalizar as normas de trânsito, e aplicaram multas em alguns donos de veículos que cometeram infrações de trânsito. Já a Vigilância Sanitária, mais uma vez, fez o trabalho de conscientização dos visitantes, da importância das medidas contra a propagação do vírus.

Policiais da Força Verde também estão na cidade, para fiscalizar possíveis infrações de crimes ambientais, como a pesca irregular e uso de som alto, tanto nas embarcações quanto nos veículos. Por se tratar de área de preservação ambiental é proibido som em volume elevado.

A fiscalização segue pelos próximos dias, e tanto os policiais como os fiscais da Vigilância Sanitária alertam para que não seja feita qualquer tipo de aglomeração.

Fonte: Prefeitura de Porto Rico

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

Receba nossas notícias em tempo real através dos aplicativos de mensagem abaixo:

blank
WHATSAPP: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui