Google News

A Leonardo e a Northrop Grumman anunciam sua intenção de buscar em conjunto oportunidades no segmento de VTOL (Vertical Take-Off and Landing) de Sistemas Aéreos não Tripulados (tradução livre do inglês Uncrewed Aerial Systems, também conhecido pela sigla UAS).

Com base na experiência da Leonardo em aeronaves de asas rotativas e nas capacidades da Northrop Grumman em aeronáutica avançada e sistemas aéreos autônomos não tripulados de próxima geração, as empresas se concentrarão em abordar de forma conjunta as oportunidades globais no mercado de VTOL UAS. As empresas vão considerar colaborações em design de veículos aéreos, arquitetura de sistemas, otimização da carga útil e integração nas arquiteturas de campo de batalha de última geração, com foco em requisitos dos clientes e Conceitos de Operações baseados em missão.

blank

O acordo é o passo mais recente de uma longa e bem-sucedida parceria entre a Northrop Grumman e a Leonardo, que já operam conjuntamente na proteção de plataformas aérea desde 1995, quando a equipe desenvolveu em conjunto o NA/AAQ-24(v) Nemesis DIRCM para o Departamento de Defesa dos Estados Unidos e para o Ministério da Defesa do Reino Unido. Atualmente, as empresas trabalham para entregar o programa Common Infrared Countermeasures (CIRCM) do Exército dos EUA, que irá proteger centenas de aeronaves.

Além disso, a Northrop Grumman Australia e a Leonardo Australia também se uniram para fornecer à Marinha Real australiana a Maritime Uncrewed Aerial System (MUAS), sob o programa SEA 129 Phase 5, utilizando o AWHero da Leonardo e elementos do avançado sistema de arquitetura de campo de batalha da Northrop Grumman como base da nova geração de capacidade de inteligência implantável, vigilância, reconhecimento e seleção de alvos (ISR&T).

Gian Piero Cutillo, Managing Director da Leonardo Helicopters, disse: “Nós vemos essa parceria como uma ótima oportunidade para aproveitar as sinergias entre a Leonardo e a Northrop Grumman no campo das tecnologias VTOL e UAS. Essa colaboração vem em um momento em que observamos o surgimento de uma demanda ao redor do mundo por tecnologias de aeronaves não tripuladas, tanto na esfera militar quanto na civil. Essa parceria permitirá uma abordagem forte e combinada tanto para as atuais quanto para a próxima geração de tecnologias VTOL UAS de duas empresas líderes globais em engenharia aeroespacial.”

Nick Chaffey, Chief Executive, Reino Unido, Europa, Oriente Médio da Northrop Grumman disse: “A Northrop Grumman tem décadas de experiência e expertise incomparável no desenvolvimento e entrega de sistemas aéreos não tripulados e autônomos incluindo o RQ-4 Global Hawk, MQ-8C Fire Scout, Firebird, uma UAS que tem a capacidade de ser tripulada, além da aeronave pioneira XX-47B. Existem muitas possibilidades que a nossa colaboração com a Leonardo vai entregar para clientes no mundo todo enquanto eles buscam solucionar novos desafios em um ambiente complexo de ameaças imprevisíveis.”

A Leonardo desenvolveu sistemas e tecnologias remotamente pilotados em todos os segmentos, com investimento significativo em plataformas, sensores, comunicações, sistemas de controle, além de recursos e tecnologias contra-drones para a administração de trânsito de sistemas não tripulados e controle de trânsito aéreo. A Leonardo é a única empresa na Europa capaz de prover soluções não tripuladas completas, incluindo a plataforma, sensores, sistema de missão e estações de controle terrestre. A empresa também oferece para seus clientes um modelo de “drones como um serviço”, possuindo e operando sua própria frota de UAS e provendo informações de inteligência e vigilância diretamente ao usuário. O contínuo desenvolvimento e integração de soluções de ponta através de todos os segmentos de sistemas e tecnologias remotamente pilotados e autônomos/semi-autônomos é um elemento chave do Plano Estratégico BeTomorrow2030 da Leonardo.

Sistemas autônomos desenvolvidos pela Northrop Grumman operam ao redor do mundo com 24+ horas de resistência, coletando dados essenciais C4ISR sobre a terra e o mar, permitindo assim tomadas de decisão rápidas e subsidiadas por dados. Além de desenvolver novos sistemas aéreos, como o Project MOSQUITO para a RAF, o sistema Distributed Autonomy/Responsive Control (DA/RC) da Northrop Grumman é um protótipo líder do sistema Joint All-Domain Command and Control (JADC2). Ele pode comandar e controlar uma ampla gama de complexos sistemas através de todos os segmentos e serviços. Esse software maduro, colaborativo e autônomo oferece superioridade de tomada de decisões para uma frota tripulada ou não tripulada em múltiplos ambientes, desde permissivos até altamente contestados.

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui