No período de 17 a 20 de novembro, a Fábrica de Material de Comunicações e Eletrônica – FMCE, participou da terceira campanha de tiro realizada para consolidar o projeto de integração do Sistema Gênesis de Direção e Coordenação de Tiro às novas Viaturas Blindadas de Combate Obuseiro Autopropulsado M109 A5+BR.

Dentro das atividades previstas para esta campanha de tiro, foram alcançados, entre outros, os seguintes objetivos: a integração do Radar V0 do carro ao software balístico do Gênesis, o trâmite de mensagens via equipamentos rádios Harris Falcom II e a realização do tiro utilizando todos os procedimentos técnicos e de segurança previstos.

A campanha de tiro foi conduzida pela Artilharia Divisionária da 3ª Divisão de Exército (AD/3), no Campo de Instrução Barão de São Borja (Rosário do Sul-RJ), e contou com a participação de engenheiros da empresa Sigma Delta, contratada para reforçar a equipe do referido projeto.

blank

Fonte: IMBEL

Marcelo Barros
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui