O Dia Mundial da Voz, celebrado em 16 de abril desde 1999, foi marcado este ano no Hospital Naval Marcílio Dias (HNMD) com uma celebração especial que uniu música e educação. A iniciativa, organizada pelo Serviço de Fonoaudiologia do hospital, teve como objetivo conscientizar sobre a importância da saúde vocal, essencial para a comunicação eficaz e a expressão humana.

Performance Musical e Engajamento da Comunidade

O evento contou com a participação da Terceiro-Sargento Charlote Lwdmila Nanami Mariano Souza, que encantou os presentes com sua voz, acompanhada ao violão pelo Terceiro-Sargento Bruno Portes Silva. Ambos militares de bordo, demonstraram não apenas talento musical, mas também o papel vital que a voz desempenha em suas vidas profissionais e pessoais. A apresentação serviu como um exemplo prático da importância do cuidado vocal, atraindo a atenção de toda a Família Naval presente.

Distribuição de Materiais Educativos

Durante o evento, foram distribuídos folhetos com orientações valiosas sobre a saúde vocal. Estes materiais destacaram hábitos saudáveis que promovem a boa condição da voz e alertaram para a necessidade de consultas com fonoaudiólogos ou otorrinolaringologistas ao perceber quaisquer sinais de alterações vocais. As informações fornecidas visaram equipar a comunidade naval com o conhecimento necessário para manter a saúde vocal, essencial em muitas funções dentro das Forças Armadas.

Importância da Conscientização Vocal

blank
Equipe do Serviço de Fonoaudiologia do HNMD

A voz é uma ferramenta indispensável na vida cotidiana, utilizada amplamente em contextos interpessoais, profissionais, educacionais e de lazer. Reconhecer e cuidar da saúde vocal é fundamental, especialmente para profissionais cujas carreiras dependem fortemente da comunicação verbal, como é o caso de muitos militares. O evento do HNMD sublinhou este ponto, reforçando que a prevenção e a promoção da saúde vocal são cruciais para a eficácia e o bem-estar no ambiente militar e além.

Marcelo Barros, com informações da Marinha do Brasil
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).