Grupamento de Fuzileiros Navais realiza Estágio de Operações no Cerrado

blank
Estagiários contaram com adestramento voltado à missão do GptFNB

O Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília (GptFNB) conduziu, entre 19 de março e 29 de abril, o Estágio de Qualificação em Operações no Cerrado (EQ-OpCer), com a finalidade de suplementar a habilitação técnico-profissional dos combatentes recém-chegados ao Cerrado brasileiro.

Vinte e cinco militares concluíram o Estágio, que proporcionou conhecimentos básicos de combate naquele ambiente. O adestramento, específico para tarefas atinentes à missão do GptFNB, incluiu atividades como Técnicas de Vida no Cerrado, Primeiros Socorros em Ambiente de Cerrado, Patrulha Naval e GVI/GP, Técnicas de Orientação no Cerrado, Técnicas Especiais, Segurança de Áreas, Instalações e Dignitários, Controle de Distúrbio e Operações no Cerrado.

Eles também participaram de atividades extracurriculares complementares, como Combate a Incêndio Florestal, conduzida pelo Grupamento de Proteção Ambiental do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal; Instruções sobre Fauna, Flora e Crimes Ambientais, ministradas pelo Batalhão de Polícia Militar Ambiental e pelo Batalhão de Policiamento Rural; e Operações com Aeronaves.

O estágio é fundamental para tornar o GptFNB a OM da Marinha do Brasil por excelência vocacionada para Operações no Cerrado, e detentora de conhecimentos específicos do segundo maior bioma do Brasil.

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui