Forças Armadas distribuem 86 mil medicamentos e 223 toneladas de alimentos

blank
As Forças Armadas entregaram uma nova remessa de medicamentos do kit intubação nesta terça-feira (30). Mais 86 mil ampolas, maior lote até o momento, foram distribuídas ao estado do Rio Grande do Sul. Os governos estaduais contam com o apoio militar para atender às diversas necessidades da população no enfrentamento à pandemia de Covid-19. A mobilização também incluiu o transporte de  223 toneladas de alimentos para o município de Aparecida, em São Paulo.
  20210330-AparecidaSP1.jpg
Medicamentos como sedativos, relaxantes musculares e bloqueadores neuromusculares são essenciais durante o processo de intubação de pacientes acometidos pela Covid-19 e internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs). O 3º Grupamento Logístico e o 3º Batalhão de Suprimento apoiam a Secretaria da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul no abastecimento de hospitais da região. Nesta operação, as ampolas foram entregues em 72 hospitais em 57 cidades do Rio Grande do Sul. Em atividade coordenada anteriormente, na quinta-feira (25), foram entregues 55 mil unidades de anestésicos e bloqueadores neuromusculares.

20210330-KitIntubação.jpg
A Marinha do Brasil, o Exército Brasileiro e a Força Aérea Brasileira se dividem em inúmeras atividades. Também na quinta-feira (25), militares do Comando Conjunto Sudeste transportaram 223 toneladas de alimentos para o município de Aparecida, em São Paulo. Mais de 26 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social foram beneficiadas com frutas, legumes e outros produtos de cesta básica. Os produtos, arrecadados pela Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP), foram abençoados na Basílica de Aparecida e entregues à Prefeitura Municipal. Durante o apoio, foram empregados 22 militares e 11 viaturas da 2ª Companhia de Transporte da 2ª Região Militar.
20210330-AparecidaSP.jpg
Já entre os dias 27 e 29 de março, as Forças Armadas seguiram com a missão de transportar cilindros de oxigênio para diversas regiões e de auxiliar na vacinação contra o coronavírus. Na segunda-feira (29), uma usina de oxigênio foi transportada na aeronave C-130 Hércules de Manaus para Belém. O equipamento de 14.580 toneladas foi encaminhado para o Hospital de Campanha de Belém. No mesmo dia, em Rondônia, os militares do 6º Batalhão de Infantaria de Selva, auxiliaram na campanha de vacinação no município de Guajará-Mirim (RO). A fase imunização na região abrange o público de 65 a 69 anos, até o momento.
20210330-UsinaPA.jpg
Nesse mesmo contexto, no domingo (28), o Comando Militar do Oeste ajudou no desembarque e entrega de 340 cilindros para o Hospital Regional do município de Sinop, em Mato Grosso. Os itens foram deslocados de São Paulo para a região mato-grossense. Enquanto a FAB transportou, por meio da aeronave KC-390 Millennium, 10 tanques de oxigênio de Manaus para Porto Velho e mais 35 cilindros de oxigênio para o município de Envira, situado a mais de mil quilômetros da capital amazonense. Já as ações de vacinação, ocorreram na modalidade Drive Thru em Belém na Base Naval de Val de Cães, subordinada ao 4º Distrito Naval da Marinha e em Porto Alegre na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Cidadãos na faixa de 65 a 70 anos foram vacinados.
20210330-VacinaçãoSinop.jpg
Por Viviane Oliveira
Fotos: Divulgação/MD

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui