A Força Aérea Brasileira (FAB) realizou, nesta sexta-feira (01/04), na Base Aérea de Brasília (DF), a cerimônia militar de promoção de Graduados do Quadro Especial de Sargentos da Aeronáutica (QESA). Essa é a primeira solenidade de ascensão desses militares após assinatura do documento que altera o Regulamento do Corpo do Pessoal Graduado da Aeronáutica, previsto no Decreto nº 3.690, de 2000, ocorrida em dezembro de 2021.

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, presidiu a cerimônia acompanhado do Ministro de Estado da Defesa, Walter Souza Braga Netto; do Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior; dos Oficiais-Generais membros do Alto-Comando da Aeronáutica; e do Comandante da Base Aérea de Brasília, Coronel Aviador Jorge Marcelo Martins da Silva.

Em suas palavras, o Presidente Jair Bolsonaro, destacou a importância dos militares para o Brasil. “Vocês são muito importantes para nós. Prestam os mais valorosos serviços à FAB e quem ganha com isso somos todos nós brasileiros”, disse.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

i224114045201216O Comandante da Aeronáutica, em seu discurso, parabenizou os graduados. “Que esta promoção seja fonte de inspiração para superarmos limites e vencermos desafios, alcançando novas conquistas para a nossa Força Aérea Brasileira e para o nosso querido Brasil. Parabéns aos promovidos!”, salientou.

Durante o evento o Presidente da República, acompanhado pelo Ministro de Estado da Defesa e pelo Comandante da Aeronáutica, procedeu a entrega das divisas às novas graduações ao Segundo-Sargento Reinaldo Aparecido Caixeta e ao Terceiro-Sargento Marcos Rodrigues da Silva, militares promovidos mais antigos de cada graduação. “É muito gratificante receber essa promoção depois de 32 anos de serviço”, destacou o Sargento Reinaldo. “Após 24 anos de trabalho essa promoção significa um orgulho para toda minha família”, completou o Sargento Marcos.

i224113370002676O Terceiro-Sargento Macladio Gomes, da Especialidade de Serviços em Obras também foi um dos homenageados. O militar, com mais de 20 anos de serviços prestados à FAB comentou sobre a promoção. “É um momento histórico na Força Aérea, pois com essa reestruturação da carreira contemplou a nossa promoção no dia de hoje”, comentou.

Decreto
O Presidente da República, Jair Bolsonaro, assinou em dezembro de 2021, o documento que altera o Regulamento do Corpo do Pessoal Graduado da Aeronáutica, previsto no Decreto nº 3.690, de 2000. Com a assinatura do documento, o Quadro Especial de Sargentos da Aeronáutica (QESA) passa a contar, além de Terceiros-Sargentos, com Segundos-Sargentos. Além disso, foi modificado o prazo de ingresso dos Cabos no Quadro Especial de Sargentos. A medida visa melhorar a administração de pessoal do Comando da Aeronáutica, de forma a adequar as subespecialidades às habituais mudanças tecnológicas verificadas na contemporaneidade. O novo ordenamento se aproxima do tratamento em vigor no âmbito da Marinha do Brasil e do Exército Brasileiro.

i224114064004986O ato não acarretará impacto orçamentário-financeiro para o corrente ano. Para os anos seguintes, a questão será compensada pela redução dos efetivos das graduações de Cabo e de Soldado, tudo em observância à Lei de Responsabilidade Fiscal.

Fotos: Suboficial Nery e Sargento Figueira/CECOMSAER

Marcelo Barros, com informações da Agência Força Aérea
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).