Recife (PE) – Após reunião na sede do Governo do Estado, o Comandante Militar do Nordeste, General de Exército Richard, transmitiu diretrizes atualizadas ao Centro de Operações da 7ª Divisão de Exército (7ª DE), Grande Comando que enquadra as tropas empregadas no apoio à sociedade pernambucana, vítima das fortes chuvas dos últimos dias.

Em seguida, acompanhado pelo General de Divisão Martinelli, Comandante da 7ª DE, o General Richard dirigiu-se aos locais de atuação dos militares sob seu comando e buscou contato com a população atingida.

O Comandante Militar do Nordeste também esteve em organizações militares que, mesmo sofrendo os danos causados pelas intensas chuvas, não deixaram de atuar no socorro à população.

O Exército Brasileiro, por intermédio do CMNE, segue com pessoal e equipamento mobilizados para as ações de ajuda humanitária na região metropolitana do Recife.

Fonte: Comando Militar do Nordeste

Marcelo Barros, com informações e imagens do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui