Louisiana (EUA) A equipe de coordenação e ligação do Exercício CORE 22 (Combined Operation and Rotation Exercises 22) realiza, no período de 27 de junho a 1° de julho, a Conferência Logística de Rotação. Na atividade, ocorre o planejamento para o adestramento combinado entre as tropas da 12ª Brigada de Infantaria Leve (Aeromóvel) e os militares da 3a Brigada de Assalto Aéreo da 101ª Divisão de Assalto Aéreo (Airborne Division), do Exército dos Estados Unidos da América (EUA), a ocorrer em agosto deste ano, no Centro Conjunto de Preparação e Treinamento do Exército dos EUA (JRTC, acrônimo em inglês), em Fort Polk.

Chefiada pelo Coronel Alessandro Paiva de Pinho, do Comando de Operações Terrestres (COTER), a equipe realiza as últimas coordenações e reconhecimentos para o exercício combinado e conta com representantes do COTER, Comando Logístico (COLOG), Departamento Geral do Pessoal (DGP), Centro de Comunicação Social do Exército (CCOMSEx), Comando da 2ª Divisão de Exército (2ª DE), Comando de Operações Especiais (CopEsp), da 12ª Brigada de Infantaria Leve Aeromóvel (12ª Bda Inf L (Amv)) e do oficial de ligação brasileiro junto à 101ª Divisão de Assalto Aéreo.

Exercício CORE

O Exercício CORE é resultado de um programa de cooperação assinado entre Brasil e os EUA, que estipulou a realização de exercícios bilaterais anuais até o ano de 2028. Por meio dessas atividades, as tropas dos dois países compartilham experiências de combate e trocam conhecimentos sobre doutrina, táticas, técnicas e procedimentos operativos. O exercício tem como objetivo, ainda, contribuir para o adestramento das Forças de Prontidão (FORPRON) e para o aprimoramento do Sistema de Prontidão Operacional da Força Terrestre (SISPRON) do Exército Brasileiro.

Fonte: COTER

Marcelo Barros, com informações e imagens do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui