Diretor-Geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha preside 3ª Reunião do Conselho Curador da ABDAN

blank
Almirante de Esquadra Olsen preside a reunião do Conselho Curador da ABDAN

Em 11 de março, foi realizada, por videoconferência, a terceira Reunião do Conselho Curador da Associação Brasileira para o Desenvolvimento de Atividades Nucleares (ABDAN), para tratar temas de importância estratégica para o Setor Nuclear brasileiro.

A sessão foi dirigida pelo Presidente do Conselho Curador, Almirante de Esquadra Marcos Sampaio Olsen, e mediada pelo Presidente da Associação, Celso Cunha. Dezenove dos 22 Conselheiros membros atenderam ao convite. A reunião contou com as presenças do Embaixador Carlos Duarte, Representante do Brasil na Missão Permanente na Associação Internacional de Energia Atômica (AIEA), na qualidade de Convidado Especial; do Embaixador Marcel Biato, Titular da Representação Diplomática junto à Irlanda; do Contra-Almirante Carlos André Coronha Macedo, Secretário de Coordenação de Sistemas do Gabinete de Segurança Institucional (GSI); e do Doutor Ricardo Guterres, Representante da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), os dois últimos também na condição de convidados especiais.

Conforme previsto na Pauta, o Presidente Celso Cunha anunciou aos presentes a nomeação do Vice-Almirante Noriaki Wada, atual Comandante do 3º Distrito Naval e ex-Coordenador do Comitê de Desenvolvimento do Programa Nuclear Brasileiro (CDPNB) do GSI-PR, para irmanar-se como membro do Conselho Curador. O Almirante Noriaki foi recepcionado sob aclamação dos presentes, fazendo em seguida a devida manifestação em retribuição.

Ainda em atendimento à agenda, a Doutora Virginia Haag, Consultora da ABDAN, realizou uma apresentação abrangente sobre o planejamento estratégico da ABDAN na moldura temporal entre 2021 e 2026. Na sequência, os Vice-Presidentes do Conselho Curador, Capitão de Mar e Guerra (EN-RM1) Orpet Peixoto e Doutor Carlos Leipner, conduziram uma explanação detalhada e objetiva sobre o tema “pequenos reatores modulares” (SMR). Seguiram-se as manifestações e exitoso intercâmbio de ideias pelos Conselheiros, além de sugestões e ações a serem seguidas.

O Presidente do Conselho, Almirante Olsen, concluiu a 3ª reunião, manifestando sua satisfação pelo elevado nível das discussões, que contribuirão para o pretendido desenvolvimento das atividades nucleares no período, enfatizando a necessidade de intensificar as interações entre as ações a empreender e a identificação das empresas com potencial para atender às expectativas.

blank
Almirante de Esquadra Olsen e Conselheiros durante
sessão de videoconferência do Conselho Curador

Eventos como esse contribuem para o avanço do Programa Nuclear da Marinha e, no sentido mais amplo, do Programa Nuclear Brasileiro, com especial ênfase no presente contexto, em que o Setor Nuclear brasileiro inflete positivamente sua trajetória de desenvolvimento. A Marinha tem envidado esforços para avançar nos marcos planejados para o Programa Nuclear, contribuindo para a dinamização da cadeia produtiva e para consolidar conquistas tecnológicas em áreas estratégicas, como a do combustível nuclear.

Fonte: Marinha do Brasil

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

Receba nossas notícias em tempo real através dos aplicativos de mensagem abaixo:

blank
WHATSAPP: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui