Npa “Macau” realiza EVAM na costa do Ceará

Em uma operação que destaca a sinergia entre as Forças Armadas Brasileiras, o Navio-Patrulha (NPa) “Macau”, uma unidade essencial do Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Nordeste (ComGptPatNavNE), realizou uma operação crítica de Evacuação Aeromédica (EVAM) em 8 de fevereiro, a 180 milhas da costa do Ceará. Esta ação não apenas reforça o compromisso com a segurança marítima, mas também evidencia a capacidade de resposta rápida e eficiente da Marinha do Brasil (MB) em colaboração com a Força Aérea Brasileira (FAB) em situações de emergência.

Rápida Resposta a um Chamado de Socorro

A operação teve início com um pedido de socorro de uma embarcação de pesca, cujo tripulante havia sofrido um acidente grave. Demonstrando prontidão e eficácia, o NPa “Macau” rapidamente se dirigiu ao local para prestar o socorro necessário. O resgate do tripulante acidentado ilustra a importância da presença constante e vigilante da Marinha em águas brasileiras, garantindo a segurança e o auxílio imediato em momentos críticos.

Atendimento Médico e Evacuação Coordenada

blank
MB e FAB realizam ação em conjunto para resgate de pescador

A bordo do NPa “Macau”, o tripulante acidentado recebeu os primeiros socorros e cuidados médicos essenciais, uma preparação vital para a sua subsequente evacuação. A EVAM foi realizada com o apoio do helicóptero H-36 “Caracal”, uma aeronave da FAB especialmente equipada para operações de resgate. Esta etapa da operação demonstra a integração e o alto nível de coordenação entre a Marinha e a Força Aérea, aspectos fundamentais para o sucesso da missão.

A Importância da Capacidade Aeromédica

A operação de evacuação aeromédica conduzida pelo NPa “Macau” e pela FAB sublinha a importância da capacidade aeromédica nas operações de resgate marítimo. A utilização do helicóptero H-36 “Caracal” para a EVAM não apenas garantiu a rapidez e a eficiência do transporte, mas também reafirmou a capacidade das Forças Armadas em fornecer apoio vital em situações de emergência, independentemente da distância da costa.

Compromisso com a Vida e a Segurança no Mar

Esta operação reforça o compromisso da Marinha do Brasil e da Força Aérea Brasileira com a vida e a segurança no mar, demonstrando a prontidão e a eficácia das Forças Armadas em responder a emergências. A colaboração entre o NPa “Macau” e a FAB é um testemunho da dedicação contínua em proteger as águas brasileiras e assegurar o bem-estar de todos aqueles que navegam por elas.

Marcelo Barros, com informações da Marinha do Brasil
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).