Brasília (DF) A Conferência dos Exércitos Americanos (CEA) realiza entre os dias 27 de junho e 1º de julho, a fase presencial do Estágio de Tradutores e Intérpretes Militares. Este estágio tem a participação de 13 militares, sendo dois da Secretaria-Executiva Permanente da Conferência dos Exércitos Americanos (SEPCEA), sete do Estado-Maior do Exército (EME) e quatro dos órgãos de direção setorial do Exército.

O estágio foi conduzido pelo Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB), Centro Sergio Vieira de Mello e conta com uma fase a distância com duração de quatro semanas. Este estágio tem como objetivo capacitar os militares designados para atuarem como intérpretes e tradutores em atividades internacionais e é a primeira vez que  é realizado fora das instalações do CCOPAB.

A abertura da fase presencial foi realizada pelo 5º Subchefe do Estado-Maior do Exército e Secretário-Geral da CEA, General de Divisão Paulo Roberto Rodrigues Pimentel, e tem como instrutores o Major Israel e o Primeiro-Tenente Santhiago, ambos do CCOPAB.

Fonte: SEPCEA

Marcelo Barros, com informações e imagens do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui