Três Corações (MG) – Encerrou no dia 16 de setembro a XXV MAREXAER, competição realizada entre as Escolas de Formação de Sargentos da Marinha do Brasil (MB), Exército Brasileiro (EB) e Força Aérea Brasileira (FAB). A competição foi disputada na Escola de Sargentos das Armas  do Exército Brasileiro (ESA) com a duração de uma semana.

A cerimônia de encerramento dos jogos contou com a presença de autoridades das três Forças, presidida pelo Vice-Almirante Fuzileiro Naval Roberto Rossatto, Diretor do Departamento de Desporto Militar.

Participaram da cerimônia, o General de Exército Veterano Jarbas Bueno da Costa, antigo Aluno e eterno Comandante da ESA; o Contra-Almirante Ricardo Fernandes Gomes, Comandante do Centro de Instrução Almirante Alexandrino (CIAA); o Contra-Almirante Roberto Lemos, Comandante do Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (CIASC); o General de Brigada Flavio Alvarenga Filho, Diretor de Educação Técnica Militar (DETMil); o General de Brigada Reinaldo Salgado Beato, Comandante da Escola de Sargentos das Armas; o Contra-Almirante Fuzileiro Naval Reinaldo Reis de Medeiros, Presidente da Comissão de Desportos da Marinha; o Brigadeiro do Ar Antonio Marcos Godoy Soares Mioni, Comandante da Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAr) e demais autoridades civis e militares.

O aluno Luís Eduardo da Rosa dos Santos, do Exército Brasileiro, foi o recordista da XXV MAREXAER na modalidade Salto em Altura, com a marca de 1,98 m. Ele recebeu das mãos do General de Exército Veterano Jarbas e do Vice-Almirante Fuzileiro Naval Rossatto o Diploma de Recordista.

A Marinha do Brasil sagrou-se campeã nas provas de corrida rústica, futebol e judô (masculinas). O Exército Brasileiro foi o vencedor nas provas de corrida rústica (feminina), de atletismo, natação, orientação, voleibol (masculinas) e de pentatlo (feminina e masculina). Já a Força Aérea Brasileira venceu nas modalidades de basquetebol (masculina) e de natação, orientação e voleibol (femininas).

A Aluna Renata Costa, destaque do Exército na XXV MAREXAER, entregou a tocha Olímpica à Aluna Júlia Flores, da Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAr), que sediará a MAREXAER 2023. Em seguida, foi extinto o fogo olímpico, símbolo das competições desportivas, e a tocha olímpica retirou-se do Estádio Capitão Edgar Cavalcante de Albuquerque.

Em suas palavras, o anfitrião da XXV MAREXAER, General de Brigada Salgado, destacou que todos os objetivos propostos foram plenamente atingidos, particularmente, no tocante ao espírito de corpo, companheirismo, camaradagem e integração entre os representantes de nossas Forças coirmãs. Ele ressaltou que os participantes devem se orgulhar de pertencer às Forças Armadas, instituições de inegável credibilidade junto à sociedade.

O Vice-Almirante Fuzileiro Naval Rossatto falou sobre o sucesso da XXV MAREXAER, enfatizando a promoção da amizade por meio do esporte. O Diretor do Departamento de Desporto Militar ressaltou, ainda, que as experiências vivenciadas devem servir como base para futuras conquistas esportivas, pessoais e profissionais, concitando os futuros líderes militares a engrandecer o desporto militar e a Pátria Amada. Ato contínuo, o Vice-Almirante Fuzileiro Naval Rossatto declarou encerrada a XXV MAREXAER.

As delegações desfilaram em continência ao Diretor do Departamento de Desporto Militar. Para finalizar mais uma edição dos jogos que congregam as três Escolas de Formação de Sargentos das Forças Armadas, autoridades, equipes técnicas e atletas realizaram a volta olímpica ao som do Tema da Vitória, do Maestro Eduardo Souto Neto.

Fonte: Escola de Sargento das Armas

Marcelo Barros, com informações e imagens do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui