Google News

O Centro de Hidrografia da Marinha (CHM), no escopo do projeto REMO (Rede de Modelagem e Observação Oceanográfica) e em conjunto com a Petrobras, realizou o lançamento de uma boia ondógrafo (modelo Spotter V-2), no dia 4 de fevereiro, ao largo da praia de Copacabana e nas proximidades da boia de coleta de dados ambientais do “Sistema de Monitoramento da Costa Brasileira” (Projeto SiMCosta).

A boia ondógrafo, instrumento de precisão que incorpora tecnologia avançada na medição de ondulação, ficou fundeada no período de 4 a 10 de fevereiro, coletando dados de ondas, que foram transmitidos em tempo real para o CHM, e serviram para a validação do Aviso de Ressaca NR 071/2021, emitido pelo Serviço Meteorológico Marinho, referente à possibilidade de ocorrência de ressaca com ondas de 2,5 a 3,0 metros para a costa do Rio de Janeiro, prevista para os dias 5, 6 e 7 de fevereiro.

A boia representa uma nova metodologia que está sendo implementada pelo CHM para a coleta expedita de dados de ondas durante a ocorrência de eventos severos ou operações navais específicas.

Além da participação do CHM e da Petrobras, o lançamento contou com o apoio do Centro de Auxílios à Navegação Almirante Moraes Rego e do projeto SiMCosta.

Fonte: Marinha do Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui