No dia 5 de junho, a Marine Corps University, em Quantico, Virgínia, celebrou a formatura de 208 oficiais no curso “United States Marine Corps Command and Staff College”. Entre os formandos, o Capitão de Fragata (FN) Marco Antonio Nepomuceno da Costa Filho se destacou ao receber o prestigiado prêmio “Lieutenant General John A. Lejeune Award” por sua excelente tese sobre um tema militar.

Contribuições da Tese do Capitão de Fragata Nepomuceno

Tema e abordagem da tese premiada

A tese do Capitão de Fragata Marco Antonio Nepomuceno da Costa Filho abordou um tema de grande relevância e atualidade para a comunidade militar. Intitulada “Estratégias de Combate Híbrido em Conflitos Modernos”, a pesquisa explorou a evolução das táticas militares frente aos desafios contemporâneos, como a guerra cibernética, o terrorismo e a utilização de forças irregulares. Nepomuceno analisou casos históricos e recentes para desenvolver uma abordagem integrada e eficiente para o combate híbrido, propondo inovações que podem ser adotadas pelas forças armadas.

Impacto e relevância para a comunidade militar

A abordagem inovadora e a profundidade da pesquisa garantiram que a tese de Nepomuceno fosse não apenas relevante, mas também essencial para a compreensão das novas dinâmicas dos conflitos modernos. O trabalho foi elogiado por sua clareza, rigor analítico e aplicabilidade prática, destacando-se como um recurso valioso para a formulação de estratégias militares. A tese promete influenciar futuras doutrinas militares e inspirar outros oficiais a explorar novos métodos de combate e defesa, solidificando a posição do Brasil no cenário internacional de estudos militares.

Reconhecimento e Premiação

blank
CF (FN) De Carvalho, CMG (FN) Alexandre Soares, CAlte Reis, CMG (IM) Vizeu e CF (FN) Nepomuceno durante cerimônia

Importância do prêmio “Lieutenant General John A. Lejeune Award”

O prêmio “Lieutenant General John A. Lejeune Award” é concedido ao oficial que apresenta a melhor tese sobre um tema militar no curso “United States Marine Corps Command and Staff College”. Este reconhecimento é altamente prestigiado, refletindo a excelência acadêmica e o compromisso com a inovação e a melhoria contínua das práticas militares. A premiação do Capitão de Fragata Nepomuceno ressalta a qualidade de sua pesquisa e seu potencial impacto nas forças armadas.

Outras autoridades presentes e discursos de reconhecimento

A cerimônia de formatura contou com a presença de diversas autoridades, incluindo o Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA, General Eric M. Smith, e o Adido Naval do Brasil, Contra-Almirante Marcelo Reis da Silva. Em seus discursos, as autoridades destacaram a importância da cooperação internacional e do intercâmbio de conhecimentos entre as forças armadas, celebrando a contribuição significativa de Nepomuceno para o fortalecimento dos laços entre Brasil e Estados Unidos.

Marcelo Barros, com informações e imagens da Marinha do Brasil
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui