No dia oito de março, 73 alunos do 3° ano do Curso de Formação e Graduação do Instituto Militar de Engenharia (IME) realizaram uma visita ao complexo naval de Itaguaí, onde foi ministrada palestra sobre o Programa de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB).

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

A apresentação abrangeu uma introdução sobre a Amazônia Azul e seu valor, tanto econômico quanto estratégico, para o Brasil e a importância da soberania sobre ela. Abordou o Plano Estratégico da Marinha (PEM), que tem como propósito prover ao Brasil uma Força Naval moderna e de dimensão compatível com a estatura político-estratégica do País.

Os alunos visitaram as instalações do Complexo, oportunidade que conheceram a dinâmica de montagem dos componentes dos submarinos, a ordem e a função dos setores produtivos.

Fonte: IME

Marcelo Barros, com informações do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).