Na semana de 22 a 26 de novembro, a Aditância do Exército e da Força Aérea Brasileira, juntamente com um representante do Setor de Defesa da Embaixada do Brasil na Alemanha, participou da 20ª Conferência de Segurança de Berlim (Berlin Security Conference). A conferência foi realizada nas instalações do Vienna House Andel e contou com a participação de diversas autoridades, personalidades e empresas do setor de segurança e defesa.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Este ano, a conferência abordou temas relacionados à retirada das tropas do Afeganistão; processos de compras militares na Europa; capacidades militares europeias; defesa contra drones; digitalização; forças pesadas, médias e leves; entre outros. Finalizando o evento, ocorreu um fórum militar, onde os comandantes das Forças alemãs (Marinha, Exército, Força Aérea, Logística, Saúde e Ciber) participaram de um debate sobre os desafios futuros da Bundeswehr.

A Berlin Security Conference busca a discussão de políticas com foco no desenvolvimento de capacidades e aquisições militares, integradas ao contexto da política de segurança e defesa da União Européia e da OTAN.

Fonte: Aditância do Exército e da Força Aérea Brasileira na Alemanha

Marcelo Barros, com informações do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).